INFORMATIVONOSSONEWS . . .

online

domingo, 31 de outubro de 2010

sábado, 30 de outubro de 2010

PESQUISA PARA PRESIDENTE 2010- 30/10 Novos números IBOPE Dilma Rousseff (PT): 56%



A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Veja a seguir os resultados.

Foram realizadas 3.010 entrevistas neste sábado (30/10). O número de registro no TSE é 37.917/2010. O levantamento foi encomendado pela TV Globo e pelo jornal "O Estado de S. Paulo".

Votos válidos (excluindo brancos, nulos e indecisos)
Dilma Rousseff (PT): 56%
José Serra (PSDB): 44%

Votos totais
Dilma Rousseff (PT): 52%
José Serra (PSDB): 40%
Branco/nulo: 5%
Indecisos: 3%


http://www.google.com/search?ie=UTF-8&oe=UTF-8&sourceid=navclient&gfns=1&q=PESQUISA+IBOPE+30%2F10

ELEIÇÕES 2010-30/10 Novos Números DATAFOLHA Dilma chega ao dia da eleição com 55% das intenções de voto



Dilma chega ao dia da eleição com 55% das intenções de voto, aponta Datafolha
outubro 30th, 2010 | Autor: Jussara Seixas

Dilma Rousseff (PT) chega ao dia da eleição com 55% dos votos válidos, segundo pesquisa Datafolha realizada ontem e hoje. Está dez pontos à frente de José Serra (PSDB), que pontuou 45%. A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais. O Datafolha entrevistou 6.554 pessoas neste sábado, um número maior do que o de outras sondagens recentes. A pesquisa foi encomendada pela Folha e pela Rede Globo e está registrada no TSE sob o número 37903/2010. Se confirmar nas urnas o resultado do Datafolha, Dilma será eleita a 40ª presidente do Brasil. A corrida eleitoral tem se mantido estável nos últimos 15 dias, com os dois candidatos variando apenas dentro da margem de erro do levantamento.

LEIA MAIS NO LINK
http://blogdadilma.blog.br/

PESQUISA PARA PRESIDENTE- Últimos números 30/10 CNT/Sensus: Dilma chega a 57,2% dos votos válidos; Serra tem 42,8%



sábado, 30 de outubro de 2010


CNT/Sensus: Dilma chega a 57,2% dos votos válidos; Serra tem 42,8%
Pesquisa do Instituto Sensus encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e divulgada neste sábado (30) mostra a candidata do PT à presidência da República, Dilma Rousseff, com 57,2% dos votos válidos contra 42,8% de seu adversário, José Serra (PSDB). No levantamento anterior, divulgado no último dia 27, a candidata petista tinha 58,6% dos votos válidos contra 41,4% de Serra.
Considerando os votos totais, quando são contabilizados os indecisos e os votos brancos e nulos, Dilma soma 50,3% das intenções e Serra, 37,6%. Na pesquisa anterior, a petista somava 46,8% contra 41,8% do tucano.
No novo levantamento, 7,9% dos entrevistados disseram estar indecisos e 4,1% afirmaram votar em branco ou nulo. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.
Encomendada pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT), a pesquisa foi realizada entre os dias 28 e 29 de outubro, com 2.000 entrevistados em todo País, e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 25 de outubro de 2010, sob o número 37919/2010.

VEJA MAiS NO
http://contextolivre.blogspot.com/2010/10/cntsensus-dilma-chega-572-dos-votos.html

Vai votar no Serra? Prepare a carteira: Trecho leste do Rodoanel prevê mais 2 pedágios na via Dutra

NB:VÃO-SE OS DEDOS, FICA O RODOANEL . . .

Vai votar no Serra? Prepare a carteira: Trecho leste do Rodoanel prevê mais 2 pedágios na via Dutra

O projeto de concessão do trecho leste do Rodoanel, que será leiloado na próxima semana pelo governo do Estado de São Paulo, o PSDB do Serra e vice, incluiu a construção de duas praças de pedágio na intersecção com a via Dutra (BR-116), na Grande SP.

As praças ficarão nos dois acessos pela Dutra, no sentido SP-RJ e no oposto. Embora, pelo projeto, a construção das cabines esteja a cargo da vencedora, o pedágio será cobrado pela NovaDutra, a concessionária da rodovia.

Com as praças na Dutra, o usuário do Rodoanel pagará pedágio ao entrar no trecho leste,...As já construídas no trecho sul só devem ser abertas em 2011.A previsão de praças no acesso altera concepção básica do Rodoanel, em que o motorista só pagaria pedágio na saída, e não na entrada.

Ou seja, além do valor máximo previsto no edital, de R$ 6 (trecho sul) e R$ 4 (leste), o usuário terá despesa extra se chegar pela Dutra.A reformulação do conceito foi revelada pela Artesp (agência dos transportes de SP) na fase de interlocução com interessados no leilão.Quem assumir a concessão vai operar e iniciar a cobrança de pedágio no trecho sul, concluído neste ano, e em contrapartida terá de construir o leste, investimento estimado em R$ 5 bilhões.

A implantação de cabines será uma forma de compensar a NovaDutra pelas prováveis perdas de movimento nos pedágios dentro e próximos da Grande São Paulo.A concessionária já vem enfrentando a concorrência com o sistema Ayrton Senna-Carvalho Pinto desde que o valor do pedágio caiu nessas vias estaduais após a privatização, em junho de 2009..Na Folha

http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/2010/10/vai-votar-no-serra-prepare-carteira.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+blogspot%2FEemp+%28Os+Amigos+do+Presidente+Lula%29

500 anos esta noite - Pedro Tierra

sábado, 30 de outubro de 2010
500 anos esta noite - Pedro Tierra

500 anos esta noite

De onde vem essa mulher
que bate à nossa porta 500 anos depois?
Reconheço esse rosto estampado
em pano e bandeiras e lhes digo:
vem da madrugada que acendemos
no coração da noite.
De onde vem essa mulher
que bate às portas do país dos patriarcas
em nome dos que estavam famintos
e agora têm pão e trabalho?
Reconheço esse rosto e lhes digo:
vem dos rios subterrâneos da esperança,
que fecundaram o trigo e fermentaram o pão.
De onde vem essa mulher
que apedrejam, mas não se detém,
protegida pelas mãos aflitas dos pobres
que invadiram os espaços de mando?
Reconheço esse rosto e lhes digo:
vem do lado esquerdo do peito.
Por minha boca de clamores e silêncios
ecoe a voz da geração insubmissa
para contar sob sol da praça
aos que nasceram e aos que nascerão
de onde vem essa mulher.
Que rosto tem, que sonhos traz?
Não me falte agora a palavra que retive
ou que iludiu a fúria dos carrascos
durante o tempo sombrio
que nos coube combater.
Filha do espanto e da indignação,
filha da liberdade e da coragem,
recortado o rosto e o riso como centelha:
metal e flor, madeira e memória.
No continente de esporas de prata
e rebenque,
o sonho dissolve a treva espessa,
recolhe os cambaus, a brutalidade, o pelourinho,
afasta a força que sufoca e silencia
séculos de alcova, estupro e tirania
e lança luz sobre o rosto dessa mulher
que bate às portas do nosso coração.

As mãos do metalúrgico,
as mãos da multidão inumerável
moldaram na doçura do barro
e no metal oculto dos sonhos
a vontade e a têmpera
para disputar o país.
Dilma se aparta da luz
que esculpiu seu rosto
ante os olhos da multidão
para disputar o país,
para governar o país.

Brasília, 31 de outubro de 2010.
Postado por Lamaison

Postado no
http://www.bocadigital.net/2010/10/500-anos-esta-noite-pedro-tierra.html

Blog do Celso Jardim: A ironia do Clarin à mais nova conclamação do Serra

Blog do Celso Jardim: A ironia do Clarin à mais nova conclamação do Serra

Material gráfico de Tiririca será recolhido

Material gráfico de Tiririca será recolhido

O juiz da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo Aloísio Sérgio Rezende Silveira vai marcar uma audiência para colher material gráfico do deputado federal eleito Francisco Everardo Oliveira Silva (PR), o Tiririca. Segundo o juiz, o humorista poderá ter absolvição sumária caso a prova colhida seja satisfatória.

No entanto, se a prova não for aceitável, será dada continuidade ao processo para colher novos elementos, inclusive ouvir testemunhas arroladas. Silveira não pode se manifestar sobre o conteúdo da documentação do processo, pois a ação corre em segredo de Justiça desde a última segunda-feira (25/10), data em que Tiririca apresentou sua defesa.

A ação apura a veracidade da declaração de alfabetização entregue no pedido de registro de candidatura de Tiririca para as eleições 2010. A denúncia do Ministério Público Eleitoral foi recebida em 4 de outubro, com base no artigo 350 do Código Eleitoral. O dispositivo prevê pena de até cinco anos de reclusão e o pagamento de multa por declaração falsa ou diferente da que deve ser escrita para fins eleitorais em documento público.

O juiz afirmou, ainda, que a ação penal não impede a diplomação do candidato eleito nem ataca seu mandato. “Somente uma eventual condenação transitada em julgado poderá vir a afetar seu mandato”, disse. Uma vez diplomado, Tiririca terá foro privilegiado e o processo será encaminhado ao Supremo Tribunal Federal.

O humorista foi eleito com 1.353.820 votos para o cargo de deputado federal nestas eleições, pela coligação Juntos por São Paulo. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRE-SP.

Dilma deixou clara sua proposta para segurança e os avanços do Brasil de Lula



29.10.2010

A candidata Dilma Rousseff tirou as dúvidas dos eleitores hoje, durante o debate na TV Globo, sobre quem tem a melhor proposta para o país melhorar a segurança dos seus cidadãos. Muito mais preparada e com uma solução clara e abrangente, a petista disse que vai investir em formação profissional dos policiais e em tecnologia para combater o crime organizado e o tráfico de armas e drogas.

“Eu acho que a segurança é um problema tão grave que a União tem que fazer parceria com estados e prefeituras. Como estamos fazendo com a bolsa formação, já formamos 376 mil policiais. Além disso, tem que haver investigação e punição. Proponho ainda as polícias comunitárias, onde se concentra o crime. Polícias comunitárias com trabalho concentrado, monitoramento para combater os crimes”, disse.

Dilma também explicou a proposta de unificação dos cadastros da população carcerária, dos criminosos e da justiça, para ter registro completo dos condenados. A petista insistiu que o Brasil deve continuar fortalecendo a Polícia Federal, que é responsável pelo policiamento da fronteira e equipá-la com tecnologia para combater o narcotráfico e o transporte ilegal de armas.

Agricultura Familiar

Os eleitores indecisos escolhidos pela TV Globo também questionaram os candidatos sobre suas propostas para o campo e para manter os jovens na lavoura.

Novamente nesse tema, Dilma mostrou ter proposta muito mais objetiva do que seu adversário. A candidata reforçou os avanços conquistados pelos agricultores nos últimos oito anos, como a ampliação recorde do crédito, a criação do seguro agrícola e o programa Luz para Todos. Ela disse que continuará nesse rumo e lutará para dar aos moradores do campo as mesmas oportunidades daqueles que estão na cidade.

“No Rio Grande do Sul, tivemos uma das melhores experiências nos últimos anos e vou levar isso para todo Brasil. A agricultura familiar teve acesso à energia elétrica. Eu considero que tem que ser dado, e me comprometo a fazer isso, para o filho do agricultor e para agricultor a mesma qualidade de vida de quem mora na cidade, senão eles mudam para a cidade. Educação é grande desafio, garantir para o filho que ele volte para casa como agrônomo", disse.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Motocross - Acompanhe programa especial sobre a sexta etapa da Superliga Brasil

Acompanhe programa especial sobre a sexta etapa da Superliga Brasil de Motocross
Principais momentos da prova de Canelinha (SC) podem ser assistidos neste domingo (31) na Rede TV!
29/10/2010

São Paulo (SP) - Todos os detalhes da sexta e penúltima etapa da Superliga Brasil de Motocross, realizada em Canelinha (SC), podem ser conferidos em um programa especial de 30 minutos que a Rede TV! exibe neste domingo (31), às 14h45.

O telespectador acompanhará um resumo das categorias 65cc, CRF-230, MX3 e MX4 e MXJr. Já para as principais baterias, MX1 e MX2, serão transmitidas um compacto de cada uma, com entrevistas dos principais pilotos. O grande destaque é o título antecipado de Swian Zanoni na MX2. O mineiro de Nova Friburgo (RJ) não venceu a etapa, porém garantiu o campeonato ao chegar na quarta colocação.

A última e decisiva etapa da Superliga Brasil de Motocross está marcada para Poços de Caldas, no sul de Minas Gerais, nos dias 20 e 21 de novembro.

Mais notícias e informações estão no site www.superligabrasildemotocross.com.br

Programação cobertura TV:

31/10 (domingo) – Programa especial Superliga Brasil de Motocross (Rede TV!) – 14h45

A Superliga Brasil de Motocross tem patrocínio da Honda, Mobil e Aymoré Financiamentos e co-patrocínio da Pirelli e do Consórcio Nacional Honda.

ELEIÇÕES 2010 - NOVA PESQUISA DATAFOLHA 29/10 = MAIS DE 15 MILHÕES DE VOTOS SEPARAM DILMA DE SERRA

NB: VEM AÍ O TERCEIRO TURNO - 69 CPI´s - O Filme, estréia Janeiro 2011,
Imperdível,As penas vão voar, Não sobrará PENA SOBRE PENA . . .AGUARDEM !


DATAFOLHA – QUEDA DE INDECISOS REDUZ CHANCE DE VIRADA
outubro 29th, 2010 | Autor: Carlos Honorato

Datafolha – Queda de indecisos reduz chance de virada
A pesquisa Datafolha do dia 28.out.2010 [ http://www1.folha.uol.com.br/poder/822059-indecisos-sao-apenas-4-e-dilma-mantem-12-pontos-de-dianteira-diz-datafolha.shtml ] tem um dado relevante sobre a possibilidade de virada no domingo: caiu consideravelmente o percentual de indecisos. Na 3ª feira, dia 26.out, havia 8% dos eleitores brasileiros se dizendo indecisos. Na 5ª feira, dia 28.out, o percentual caiu para 4%. Ou seja, menos eleitores têm dúvidas sobre em quem votar. Portanto, por óbvio, há menos espaço para os candidatos ampliarem suas taxas de intenção de voto. Como Dilma Rousseff (PT) pontuou (nos votos totais) 50% contra 40% de José Serra (PSDB), a possibilidade de alteração dessa tendência fica limitada.
Então é impossível haver alterações e Dilma já ganhou? Não, até porque nesse caso a democracia poderia ser exercida por meio de pesquisas de opinião. Além disso, são de conhecimento público os diversos equívocos dos institutos de pesquisa no primeiro turno –embora o Datafolha tenha indicado com clareza qual poderia ser o resultado da eleição presidencial. O fato é que desta vez há uma convergência maior nos resultados dos principais institutos de pesquisa. Se todos estiverem errados na identificação de tendências, será realmente um convite para que refaçam integralmente suas metodologias. Outro dado relevante: pesquisas não fazem previsão de resultados, mas apenas apontam tendências no momento em que a sondagem é realizada.
Sobre a queda dos indecisos, mais alguns dados:
Há 3% dos eleitores homens indecisos contra 6% de indecisas mulheres. Ou seja, quem quiser conquistar novos apoios deve se dedicar um pouco mais ao sexo feminino. Na divisão de faixas etárias, os que estão mais indecisos são os de 60 anos ou mais (7%). Nas regiões geográficas diversas, grande equilíbrio: variam de 4% a 5% os indecisos em todos os grupos. Entre os eleitores de Marina Silva (PV) no primeiro turno (ela teve cerca de 20 milhões de votos) há ainda 8% de indecisos. Ou seja, grande oportunidade para Serra e Dilma tentarem aumentar suas intenções de voto. Tudo somado, assim mostram as pesquisas, Dilma segue como favorita para a eleição de domingo.
De: http://uolpolitica.blog.uol.com.br/arch2010-10-24_2010-10-30.html#2010_10-29_01_13_48-9961110-0
RESULTADOS DAS ÚLTIMAS PESQUISAS
Estimulada – votos válidos
instituto indica porcentagem de votos válidos de cada candidato
são válidos os votos dirigidos aos candidatos; brancos e nulos não são válidos
Data – Instituto – Dilma – Serra
28/10/10 – Datafolha – 56 – 44
26-28/10/10 – Ibope – 57 – 43
26.out.2010 – Datafolha – 56 – 44
23-25/10/10 – Sensus – 58,6 – 41,4
23-24/10/10 – Vox Populi – 57 – 43
Estimulada
o eleitor escolhe seu candidato a partir de uma lista de nomes apresentada pelo pesquisador (em %).
Data – Instituto – Dilma – Serra – brancos, nulos, indecisos e nenhum
28/10/10 – Datafolha – 50 – 40 – 9
26-28/10/10 – Ibope – 52 – 39 – 9
26/10/10 – Datafolha – 49 – 38 – 13
23-25/10/10 – Sensus – 51,9 – 36,7 – 11,5
23-24/10/10 – Vox Populi – 49 – 38 – 13
============
Carlos Honorato
Retrans: 800 mil leitores
” EM 2002 COM LULA A ESPERANÇA VENCEU O MEDO ”
” EM 2010 COM DILMA A VERDADE VENCERÁ A MENTIRA ”
VOTE 13 – DILMA PRESIDENTE

Poços de Caldas/MG - Cidade do sul de Minas Gerais recebe prova que define campeões da temporada, nos dias 20 e 21 de novembro

Poços de Caldas será sede da última etapa da Superliga Brasil de Motocross
Cidade do sul de Minas Gerais recebe prova que define campeões da temporada, nos dias 20 e 21 de novembro
29/10/2010

São Paulo (SP) - Poços de Caldas, no sul de Minas Gerais, vai receber a última e decisiva etapa da Superliga Brasil de Motocross, nos dias 20 e 21 de novembro. As provas serão realizadas na pista montada ao lado ao aeroporto da cidade. Os fãs do esporte já podem adquirir os ingressos para a competição nos pontos de venda (veja lista abaixo), por R$10 para a arquibancada geral e por R$50 para o camarote vip.

As corridas definirão os campeões da temporada 2010 na MX1, MX3, MX4, MXJr., CRF-230 e 65cc, além de uma categoria intermediária, para pilotos amadores, que estréia nesta etapa. A única categoria em que o título já tem dono é a MX2, conquistado por Swian Zanoni na última corrida. Nas demais classes, a diferença entre os pilotos é pequena, o que deve garantir disputas emocionantes ao público presente.

A pista, que foi inaugurada pela prefeitura há menos de dois meses, tem 1400 metros de extensão e oito mesas entre os obstáculos. O traçado construído fica ao lado do Centro de Eventos Tartesal, na zona sul de Poços de Caldas.

Campeonato - Na MX1, Swian Zanoni está apenas cinco pontos na frente de Leandro Silva e João Paulino “Marronzinho”, que estão empatados na segunda colocação. Endrews Armstrong terá que brigar para permanecer na liderança da MXJr., pois apenas quatro pontos separam Anderson Amaral do primeiro colocado.

Davis Guimarães tem uma folga um pouco maior na MX3, a vantagem dele sobre Cristiano Lopes é de 16 pontos. Wellington Valadares segue na ponta da MX4, com uma diferença de 12 pontos de Flávio Machado. Na CRF-230, 16 pontos separam Nivaldo Viana de Ismael Rojas. Na 65cc, Djalma Brito está no primeiro lugar, com Kioman Munoz oito pontos atrás.

A Superliga Brasil de Motocross tem patrocínio da Honda, Mobil e Aymoré Financiamentos com co-patrocínio da Pirelli, Consórcio Nacional Honda, Diafrag e apoio da Prefeitura Municipal de Poços de Caldas, NovaCar Ford e rádio Jovem Pan.

Serviço:
Superliga Brasil de Motocross - 7ª etapa
Data: 20 e 21 de novembro de 2010
Local: Ao lado do Centro de Eventos Tartesal – Poços de Caldas (MG)
Ingressos: R$10 arquibancada geral e R$50 camarote vip

Pontos de venda

By Motos – Alfenas
Av. José Paulino as Costa, 679 – Cruz Preta
(35)3292-3470 / 3292-4900

By Motos - Pouso Alegre
Av. Porfirio Ribeiro de Andrade, 290 – Centro
(35) 2102-2888

Exxel Motos – Guaxupe
Av. Inconfidentes, 687 – Centro
(35) 3696-7001

Clínica Fisiocorpus – Poços de Caldas
Rua Tutóia, 190 – Jd. Dos Estados
(35) 3722-2233

NovaCar Ford – Poços de Caldas
Av. João Pinheiro, 1225 – Centro
(35) 3770-1387 / 3729-4000

Posto Estádio – Poços de Caldas
Av. Sílvio Monteiro Santos, 200 – Vl. Cascata das Antas
(35) 3722-0883

Supermercado Vila Sul – Poços de Caldas
Av. Sílvio Monteiro Santos, 180 – Vl. Cascata das Antas
(35) 3715-4400

Daytona Honda - Poços de Caldas
Av. João Pinheiro, 1000 – Centro
(35) 3729-2200

UMA CARTA AO NOBLAT

outubro 29th, 2010 | Autor: Carlos Honorato

Uma carta ao Noblat
=============

Noblat

Quem é você para decidir pelo Brasil (e pela História) quem é grande ou quem deixa de ser? Quem lhe deu a procuração? O Globo? A Veja? O Estadão? A Folha?

Apresento-me: sou um brasileiro. Não sou do PT, nunca fui. Isso ajuda, porque do contrário você me desclassificaria, jogando-me na lata de lixo como uma bolinha de papel. Sou de sua geração. Nossa diferença é que minha educação formal foi pífia, a sua acadêmica. Não pude sequer estudar num dos melhores colégios secundários que o Brasil tinha na época (o Colégio de Cataguases, MG, onde eu morava) porque era só para ricos. Nas cidades pequenas, no início dos sessenta, sequer existiam colégios públicos. Frequentar uma universidade, como a Católica de Pernambuco em que você se formou, nem utopia era, era um delírio.

Informo só para deixar claro que entre nós existe uma pedra no meio do caminho. Minha origem é tipicamente “brasileira”, da gente cabralina que nasceu falando empedrado. A sua não. Isto não nos torna piores ou melhores do que ninguém, só nos faz diferentes. A mesma diferença que tem Luis Inácio em relação ao patriciado de anel, abotoadura & mestrado. Patronato que tomou conta da loja desde a época imperial.

O que você – e uma vasta geração de serviçais jornalísticos – passaram oito anos sem sequer tentar entender, é que Lula não pertence à ortodoxia política. Foi o mesmo erro que a esquerda cometeu quando ele apareceu como líder sindical. Vamos dizer que esta equipe furiosa, sustentada por quatro famílias que formam o oligopólio da informação no eixo Rio-S.Paulo – uma delas, a do Globo, controlando também a maior rede de TV do país – não esteja movida pelo rancor. Coisa natural quando um feudo começa a dividir com o resto da nação as malas repletas de cédulas alopradas que a União lhe entrega em forma de publicidade. Daí a ira natural, pois aqui em Minas se diz que homem só briga por duas coisas: barra de saia ou barra de ouro.

O que me espanta é que, movidos pela repulsa, tenham deixado de perceber que o brasileiro não é dançarino de valsa, é passista de samba. O patuá que vocês querem enfiar em Lula é o do negrinho do pastoreio, obrigado a abaixar a cabeça quando ameaçado pelo relho. O sotaque que vocês gostam é o nhém-nhém-nhém grã-fino de FHC, o da simulação, da dissimulação, da bata paramentada por láureas universitárias. Não importa se o conteúdo é grosseiro, inoportuno ou hipócrita (“esqueçam o que eu escrevi”, “ tenho um pé na senzala” “o resultado foi um trabalho de Deus”). O que vale é a forma, o estilo envernizado.

As pessoas com quem converso não falam assim – falam como Lula. Elas também xingam quando são injustiçadas. Elas gritam quando não são ouvidas, esperneiam quando querem lhe tapar a boca. A uma imprensa desacostumada ao direito de resposta e viciada em montar manchetes falsas e armações ilimitadas (seu jornal chegou ao ponto de, há poucos dias, “manchetar” a “queda” de Dilma nas pesquisas, quando ela saiu do primeiro turno com 47% e já entrou no segundo com 53 ) ficou impossível falar com candura. Ao operário no poder vocês exigem a “liturgia” do cargo. Ao togado basta o cinismo.

Se houve erro nas falas de Lula isto não o faz menor, como você disse, imitando o Aécio. Gritos apaixonados durante uma disputa sórdida não diminuem a importância histórica de um governo que fez a maior revolução social de nossa História. E ainda querem que, no final de mandato, o presidente aguente calado a campanha eleitoral mais baixa, desqualificada e mesquinha desde que Collor levou a ex-mulher de Lula à TV.

Sordidez que foi iniciada por um vendaval apócrifo de ultrajes contra Dilma na internet, seguida das subterrâneas ações de Índio da Costa junto a igrejas e da covarde declaração de Monica Serra sobre a “matança de criancinhas”, enfiando o manto de Herodes em Dilma. Esse cambapé de uma candidata a primeira dama – que teve o desplante de viajar ao seu país paramentada de beata de procissão, carregando uma réplica da padroeira só para explorar o drama dos mineiros chilenos no horário eleitoral – passou em branco nos editoriais. Ela é “acadêmica”.

A esta senhora e ao seu marido você deveria também exigir “caráter, nobreza de ânimo, sentimento, generosidade”.

Você não vai “decidir” que Lula ficou menor, não. A História não está sendo mais escrita só por essa súcia de jornais e televisões à qual você pertence. Há centenas de pessoas que, de graça, sem soldos de marinhos, mesquitas, frias ou civitas, estão mostrando ao país o outro lado, a face oculta da lua. Se não houvesse a democracia da internet vocês continuariam ladrando sozinhos nas terras brasileiras, segurando nas rédeas o medo e o silêncio dos carneiros.

Carlos Torres Moura
Além Paraíba-MG

A carta de Moura foi publicada no Escrevinhador, de Rodrigo Vianna.

============PUBLICADO NOBLOG DA DILMA, LEIA MAIS NO LINK
http://blogdadilma.blog.br/

SERRA O HOMEM BOM, . . .DO BEM, . . .APELA . . .

FIQUE EXPERTO ELEITOR, . . .



SERRA USA BLOG FALSO EM NOME DE MARINA
outubro 29th, 2010 | Autor: Carlos Honorato

“Não usem meu nome para o vale-tudo eleitoral”, repreende Marina

É infelizmente não USEM é muita gente, são muitos partidos. Mais uma vez Marina ficou em cima do muro. Porque não disse claro e em bom tom quem é o “NÃO USEM”? Se esta notíca for dada pela Globo vocês duvidam quem a Globo irá insinuar que usa o nome de Marina indevidamente?

Inês

To: mikanicolae@yahoo.com
From: mikanicolae@yahoo.com
Date: Thu, 28 Oct 2010 19:52:09 -0200
Subject: [apoiadores-dozedirceu] Fwd: SERRA USA BLOG FALSO EM NOME DE MARINA – 28/10/2010 -

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Mais uma farsa

SERRA USA BLOG FALSO EM NOME DE MARINA. Confira

Você está em: Home »Blog da Marina

Postado em 27/10/2010 por Equipe Marina
“Não usem meu nome para o vale-tudo eleitoral”, repreende Marina
A senadora Marina Silva (PV-AC) criticou, hoje, duramente os setores do PSDB que promoveram iniciativas fraudulentas de envolvê-la em ações de apoio à candidatura de José Serra.

“Não usem meu nome para o vale-tudo eleitoral”, advertiu Marina ao tomar conhecimento de um endereço de e-mail falso (marina@pv.gov.br) e de um post do blog Eu Vou de Serra 45 que manipula declarações dadas por ela durante a campanha do primeiro turno.

“Infelizmente, muitos não aprenderam nada com os resultados das urnas e continuam a promover a política de mais baixo nível ao usar estratagemas banais para buscar votos”, declarou a ex-presidenciável do PV.

O e-mail com o remetente marina@pv.gov.br é direcionado aos simpatizantes de Marina e contém mensagem em nome da senadora e do PV com pedido para que se unam em torno da candidatura de Serra.

Por sua vez, o blog da militância tucana lança mão de declaração da então candidata verde à Presidência de forma descontextualizada para fazer seu proselitismo eleitoral. “Marina se posiciona: Brasil não pode ser entregue a quem conhece”, afirma inadvertidamente a divulgação dos defensores do ex-governador de São Paulo.

(Fonte: UOL Eleições 2010, Notícias Urgentes, em 27/10/2010)

================================

Blog da campanha de Serra falsifica declaração de apoio de Marina

28/10/2010
A senadora e ex-candidata do PV à Presidência, Marina Silva, repeliu ontem o que o comando nacional do Partido Verde chamou de “iniciativas fraudulentas” para envolvê-la em ações de apoio à candidatura de José Serra (PSDB).
“Não usem meu nome para o vale-tudo eleitoral”, afirmou a senadora, de acordo com informações de sua assessoria.
A falsa declaração de voto de Marina no candidato tucano foi feita com um endereço de e-mail que não corresponde ao dela e publicada no blog Eu Vou de Serra 45.
“Infelizmente, muitos não aprenderam nada com os resultados das urnas e continuam a promover a política de mais baixo nível ao usar estratagemas banais para buscar votos”, criticou a senadora.
De acordo com o portal Terra [ http://noticias.terra.com.br/eleicoes/2010/noticias/0,,OI4759378-EI15315,00-Marina+condena+uso+de+seu+nome+em+falso+apoio+a+Serra.html ], o e-mail falso seria direcionado aos eleitores de Marina contendo um “pedido” da senadora para que haja união em torno da candidatura tucana.

De: http://www.brasiliaconfidencial.inf.br/?p=23064

Serra + Tiririca = SIRIRICA…



Serra + Tiririca = SIRIRICA…

Serra + Tiririca = Siririca21 slogans da campanha do candidato SIRIRICA:

Vota Siririca, melhor do que tá não fica
Se você não assina e só rubrica, vote Siririca
Se não sabe ler e se complica, vote Siririca
Se a declaração do TRE você falsifica, vote Siririca
Se fugiu da escola e não lê nadica, vote Siririca
Se a tua fonte de conhecimento é uma bica, vote Siririca
Mentiu pro TRE e vai dar zica? Vote Siririca
Se a tua letra é uma titica, vote Siririca
Se você vê um livro e se pinica, vote Siririca
Assina com digital e todo mundo implica? Vote Siririca
Se o seu diploma você fabrica, vote Siririca
Não fez o mobral, te dou a dica: vote Siririca
Se para o mobral todo mundo te indica, vote Siririca
Se placa diz “siga” e você fica, vote Siririca
Se mandam você ler e você se trumbica, vote Siririca
Estava escrito Congonhas mas você foi parar em Cumbica, vote Siririca
Se na escola você não se aplica, vote Siririca
Se te flagram na mentira e sua candidatura mica, vote Siririca
Se a sua cultura não é rica, vote Siririca
Trocou o livro por uma cuíca? Vote Siririca
Só lê livro que tem figura que explica? Vote Siririca.

via Blog do Songa Monga

Postado no
http://betobertagna.com/2010/10/29/serra-tiririca-siririca%E2%80%A6/

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

APOSENTADO INVOCADO: A INVEJA CORRÓI O CARÁTER DE UMA PESSOA , OU ELA JÁ ERA ASSIM MESMO

APOSENTADO INVOCADO: A INVEJA CORRÓI O CARÁTER DE UMA PESSOA , OU ELA JÁ ERA ASSIM MESMO

PESQUISA PARA PRESIDENTE 28/10 - Ibope mostra Dilma com 57% dos votos válidos e Serra com 43%



Ibope mostra Dilma com 57% dos votos válidos e Serra com 43%
outubro 28th, 2010 | Autor: Jussara Seixas

Do G1

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (28) aponta Dilma Rousseff (PT) com 57% dos votos válidos e José Serra (PSDB) com 43% na disputa em segundo turno pela Presidência da República.

Como a margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais, Dilma pode ter entre 55% e 59%, e Serra, entre 41% e 45%. O critério de votos válidos exclui as intenções de voto em branco e nulo e os indecisos.

Na pesquisa anterior do Ibope, divulgada no último dia 20, Dilma aparecia com 56% dos votos válidos e Serra com 44%.

O Ibope entrevistou 3.010 eleitores, de 26 a 28 de outubro. A pesquisa foi encomendada ao instituto pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo”. Está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número de protocolo 37596/2010.

Votos totais

Pelo critério de votos totais (que incluem no cálculo brancos, nulos e indecisos), Dilma Rousseff soma 52% das intenções de voto, e José Serra, 39%. As intenções de voto em branco ou nulo acumulam 5%, segundo o Ibope. Os eleitores indecisos são 4%.

Nos votos totais da pesquisa anterior do Ibope, do último dia 20, Dilma tinha 51%, e Serra, 40%. Brancos e nulos eram 5%, e indecisos, 4%.

BRASIL QUE DÁ CERTO ! Governo confirma descoberta de nova reserva de petróleo no pré-sal

GOVERNO LULA: Governo confirma descoberta de nova reserva de petróleo no pré-sal
outubro 28th, 2010 | Autor: Jussara Seixas

PEDRO SOARES
DO RIO

O diretor-geral da ANP (Agência Nacional do Petróleo), Haroldo Lima, confirmou nesta quinta-feira que a agência divulgará amanhã o tamanho da reserva de óleo no campo de Libra, na área da camada do pré-sal da bacia de Santos que ainda não está sob concessão.

Lima não quis adiantar o volume de óleo previsto na reserva, que é explorada pela Petrobras, contratada pela ANP com esse objetivo.

A estimativa feita por um consultoria internacional, feita para a ANP, indicou potencial entre 7,9 bilhões de barris a 16 bilhões de barris de petróleo na reserva de Libra, volume superior ao campo de Tupi, cuja reservas estimadas são de 5 bilhões a 8 bilhões de barris.

As ações da Petrobras subiram hoje pelo quinto dia consecutivo. Inicialmente, a recomendação de um grande banco estrangeiro foi usada como justificativa para a recuperação desses papéis, mas desde ontem, pelo menos, já circulavam especulações mas mesas de bancos e corretoras sobre a descoberta de um “megapoço”.

Desde sexta-feira, somente a ação preferencial (a mais negociada) valorizou quase 10%.

PRÉ-SAL

A chamada camada pré-sal é uma faixa que se estende ao longo de 800 quilômetros entre os Estados do Espírito Santo e Santa Catarina, abaixo do leito do mar, e engloba três bacias sedimentares (Espírito Santo, Campos e Santos). O petróleo encontrado nesta área está a profundidades que superam os 7 mil metros, abaixo de uma extensa camada de sal que, segundo geólogos, conservam a qualidade do petróleo.

Vários campos e poços de petróleo já foram descobertos no pré-sal, entre eles o de Tupi, o principal. Há também os nomeados Guará, Bem-Te-Vi, Carioca, Júpiter e Iara, entre outros.

Estimativas apontam que a camada, no total, pode abrigar algo próximo de 100 bilhões de boe (barris de óleo equivalente) em reservas, o que colocaria o Brasil entre os dez maiores produtores do mundo.

Com Texto Livre: Genéricos e outros mistérios

Com Texto Livre: Genéricos e outros mistérios

O golpismo valerá a pena? | OLHOS DO SERTÃO

O golpismo valerá a pena? | OLHOS DO SERTÃO

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Voto Dilma no Exterior: BRASILEIRAS NA EUROPA MANDAM CARTA PARA DILMA

Voto Dilma no Exterior: BRASILEIRAS NA EUROPA MANDAM CARTA PARA DILMA

NOVA PESQUISA PARA PRESIDENTE - CNT/Sensus: Dilma tem 58,6% dos votos válidos e abre 17,2 pontos

DESESPERO TOTAL . . .ATÉ DOMINGO MUITO MAIS MENTIRAS. . .FIQUE ATENTO ELEITOR !



CNT/Sensus: Dilma tem 58,6% dos votos válidos e abre 17,2 pontos sobre Serra
outubro 27th, 2010 | Autor: Jussara Seixas


Pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta quarta-feira (27) mostra a candidata do PT à presidência da República, Dilma Rousseff, com 58,6% dos votos válidos contra 41,4% do tucano José Serra.

Antes, Dilma tinha 52,8% dos votos válidos contra 47,2% de Serra: vantagem de 5,6 pontos percentuais. Agora, a diferença entre os dois chega a 17,2 pontos percentuais. Os votos válidos desconsideram brancos e nulos, que somaram 4,7% dos 2 mil eleitores entrevistados entre os dias 23 e 25, e indecisos, que somaram 6,8%.

Considerando-se os votos totais, Dilma tem 51,9% e Serra, 36,7%, o que mostra o aumento da vantagem da petista em mais de 10 pontos percentuais em relação à pesquisa anterior, realizada nos dias 18 e 19 deste mês. Na pesquisa anterior, divulgada semana passada, a petista tinha 46,8% contra 41,8% do tucano.

A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no TSE sob o número 37609/2010.

O índice de rejeição à candidata petista que era de 35,2% na pesquisa anterior, caiu para 32,5%. Serra tinha rejeição de 39,8% e agora atinge seu recorde da pesquisa CNT/Sensus, com 43%. Para o instituto, rejeições acima de 40% seriam indicativos de derrota do candidato.

Na análise do instituto, a troca mútua de acusações entre os candidatos faz o eleitor voltar seu interesse novamente para os aspectos econômicos, onde a petista levaria vantagem.

VEJA MAIS NO LINK
http://blogdadilma.blog.br/

ANIVERSÁRIO DO MELHOR PRESIDENTE DOS ÚLTIMOS 510 ANOS NO BRASIL



Eduardo Guimarães, Blog da Cidadania

“Há exatos 65 anos, em 27 de outubro de 1945, no interior de Pernambuco nascia um homem que mudaria a história de um país que chegou destroçado aos primórdios do século XXI. Luiz Inácio da Silva, que mais tarde teria o hipocorístico “Lula” acrescido ao nome, chega à data de hoje nas asas de uma trajetória de vida na qual poucos acreditariam se o nosso presidente não tivesse se tornado o brasileiro mais famoso da história, ao lado de Pelé.

Este blogueiro não hesita em confessar a sua admiração por esse homem. E nem tanto por sua impressionante trajetória, mas por um feito que ele logrou perpetuar na história e que muitos outros poderiam ter logrado, bastando que, como fez o filho mais ilustre de Garunhuns (ou de Caetés), tivessem simplesmente governado para todos.

O feito de sair da tragédia social em que foi gerado para se tornar presidente da República é emocionante, é impressionante, mas nem se compara ao desprendimento de Lula de ter sofrido tudo o que sofreu nas mãos da alucinada elite brasileira quando teria sido tão mais fácil governar para poucos e sair do poder exaltado pela mídia como aconteceu – e continua acontecendo – com Fernando Henrique Cardoso.

Por essa abnegação, nutro por Lula um respeito e um carinho que lamentavelmente jamais pude expressar ao próprio e que certamente jamais poderei, pois há muitos em seu entorno mais merecedores de tal honraria, além de a fila dos candidatos comuns como eu mesmo a tal outorga ser tão extensa que, para concedê-la a todos, nosso presidente teria que viver várias vidas.

Hoje é o aniversário de Lula, do ser humano vivo que mais admiro. Quero tanto presenteá-lo, mas não saberia o que dar a um homem para quem a vida deu tudo depois de privá-lo de tanto em seus primeiros anos. Então decidi escrever um texto que ele jamais lerá, mas que ficará imortalizado na internet para que um dia, num futuro distante, os estudiosos de nossa época saibam o quanto aquele lendário líder político foi amado por seu povo.

Parabéns, presidente Lula. Muitas felicidades e muitos anos de vida a V. Excia. São os votos de Eduardo Guimarães e família.”

Postado no
http://blogdomaturo.blogspot.com/2010/10/27-de-outubro-de-1945.html

terça-feira, 26 de outubro de 2010

PESQUISA PRESIDENTE : DATAFOLHA 26/10 - Dilma: 56% (igual a semana passada) Serra: 44%



Pesquisa Datafolha pelo jornal Folha de S. Paulo e pela Rede Globo, mostra estabilizade.

pequenas oscilações:

Dilma: 49% (caiu 1 ponto em relação à domingo)
Serra: 38% (caiu 2 pontos)
Votos brancos e nulos: 5%
Não souberam ou não opinaram: 8%

Considerando apenas os votos válidos (sem brancos e nulos):
Dilma: 56% (igual a semana passada)
Serra: 44%

A margem de erro da pesquisa é de dois pontos porcentuais. A pesquisa foi realizada no dia 26 de outubro, com 4.020 entrevistados em todo País.

http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/2010/10/datafolha-dilma-49-x-38-serra-luta-por.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+blogspot%2FEemp+%28Os+Amigos+do+Presidente+Lula%29

ESCÂNDALO DA LICITAÇÃO DO METRÔ/SP(MAIS UM) FOLHA CONHECIA RESULTADO DA LICITAÇÃO DESDE ABRIL 2010 - Licitação feita no Governo do Serra

Notícias Terra
Jornal(* FOLHA DE SÃO PAULO): resultado de licitação do metrô de SP já era conhecido
26 de outubro de 2010 • 09h41

De acordo com reportagem publicada pela Folha de S. Paulo nesta terça-feira (26), o resultado dos vencedores da licitação para a concorrência dos lotes de 3 a 8 da linha 5 (Lilás) do metrô em São Paulo, divulgado na última quinta, já era conhecido há seis meses pelo jornal. Segundo a matéria publicada, o jornal registrou o nome dos vencedores em vídeo e em cartório nos dias 20 e 23 de abril deste ano.

A licitação foi aberta em outubro de 2008, quando o governador de São Paulo era José Serra (PSDB). O tucano deixou o cargo no início de abril deste ano para disputar a presidência da República. Em seu lugar ficou seu vice, Alberto Goldman. A Folha de S. Paulo afirma que teve conhecimento prévio do resultado da licitação apesar de o Metrô ter suspendido o processo em abril e mandado todas as empresas refazerem suas propostas. A suspensão do processo licitatório ocorreu três dias depois do registro dos vencedores em cartório, informa a Folha.

Ainda segundo o jornal, o Metrô - estatal do governo paulista - afirma que irá investigar o caso. Os consórcios também negam irregularidades ou "acertos". O valor dos lotes de 2 a 8 passa de R$ 4 bilhões. A linha 5 do metrô irá do Largo 13 à Chácara Klabin, num total de 20 km de trilhos, e será conectada com as linhas 1 (Azul) e 2 (Verde), além do corredor São Paulo-Diadema da EMTU.


Redação Terra
LEIA MAIS
http://noticias.terra.com.br/eleicoes/2010/noticias/0,,OI4755374-EI15315,00-Jornal+resultado+de+licitacao+do+metro+de+SP+ja+era+conhecido.html

DEBATE NA RECORD: "SERRA SEM EDUCAÇÃO" NÃO CONVENCE DIZEM CIENTISTAS POLÍTICOS

Análise dos cientistas políticos: Dilma evolui e Serra não convence

por André Mascarenhas

Seção: Coberturas ao vivo



25.outubro.2010 23:02:42

André Mascarenhas

Cientistas políticos convidados pelo Radar Político para assistir ao debate da TV Record concordaram na análise de que a petista Dilma Rousseff “cresceu” ao longo dos últimos debates, enquanto o tucano José Serra se perdeu na tentativa de parecer um político carismático. Na avaliação de Carlos Melo, do Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper), e José Paulo Martins, da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, o encontro desta segunda-feira, 25, começou tenso, com todos os ataques de ordem ética concentrados no primeiro bloco para aproveitar o pico da audiência.

Veja Também

Após debate, Serra explica saída da Prefeitura e afirma que Dilma inventa ‘factoides’

Troca de acusações e privatização dominam penúltimo debate entre Dilma e Serra

Marco Aurélio Garcia diz que Serra fez debate ‘grosso’

“Ele foi muito mais agressivo, mas não golpeou a ponto de ela ficar grogue”, disse Melo ao avaliar a primeira parte da atração. Para Martins, os candidatos apostaram em mais do mesmo. “O que vêm agora? Tudo o que já era esperado veio no primeiro bloco”, questionou.

Para os cientistas políticos, a estratégia era atingir um maior número de pessoas antes que os televisores começassem a ser desligados, com o avançar das horas. “No primeiro bloco você tem que mostrar um certo ímpeto”, analisou Melo.

Segundo o cientista político do Insper, Serra estava “mais agressivo do que nos outros debates”. “Ele não tem outra alternativa a não ser roubar os votos dela. Mas é arriscado atacar”, acrescentou Martins, para quem o eleitor identifica o problema da corrupção em governos do PT e do PSDB.

Foi, inclusive, essa a avaliação de Melo quando os casos mais recentes envolvendo os dois candidatos surgiram no debate, ainda no primeiro bloco. “Quem com Erenice fere, com Paulo Preto será ferido”, brincou o analista do Insper, após Serra citar as suspeitas de tráfico de influência envolvendo a ex-ministra da Casa Civil Erenice Guerra. O ataque foi prontamente respondido por Dilma, que lembrou o suposto desvio de recursos de caixa dois da campanha tucana pelo ex-diretor da Dersa Paulo Petro.

Privatizações. No segundo bloco, ganhou força o tema privatizações, que foi puxado pelo próprio tucano, numa clara estratégia de se manter no ataque. Na análise dos cientistas políticos, a tentativa de Serra de criticar uma suposta privatização do pré-sal pelo PT soou esquizofrênica, uma vez que vai contra as bandeiras históricas do PSDB.

“Serra vestiu a carapuça e agora quer ser mais realista que o rei, mais estatista que o PT”, resumiu Melo. “Vai contra a base social do PSDB”, acrescentou. Na opinião do analista, a estratégia não agrega votos a Serra pois “a base social do PT já está com Dilma”.

Evolução. Na avaliação dos dois cientistas políticos, o debate desta segunda consolidou a evolução de Dilma ao longo dos últimos debates. “Eu diria que a novidade é a segurança da Dilma”, disse Martins. “Mas acho que as pesquisas ajudam um pouco”, acrescentou.

Ainda segundo eles, a tentativa de Serra de soar carismático não funciona. “O problema é que o Serra tem um perfil… Ele é a figura racional por excelência. Quando ele faz esse discurso muito emocional, você não o reconhece”, disse Melo, para quem “Dilma tem milhões de defeitos, mas é impressionante como ela aprende rápido”.

Veja os principais trechos da conversa:

00h46 – “Eu diria que a novidade é a segurança da Dilma”, diz Martins. “O problema é que o Serra tem um perfil… Ele é a figura racional por excelência. Quando ele faz esse discurso muito emocional você não reconhece ele”, acrescenta Melo. ”A Dilma tem milhões de defeitos, mas é impressionante como ela aprende rápido”, diz. Martins lembra que Dilma também tem sua história. “Ela também está na luta política há muito tempo”, acrescenta.

00h41 – Martins comenta as considerações finais de Dilma. “O Serra erra na questão das privatizações como a Dilma errou na questão do aborto”, diz ele. “O problema do Serra é que ele não abre mão de nada”, acrescenta Melo.

00h37 – “Ela está firme”, avalia Melo. “Acho que as pesquisas ajudam um pouco”, acrescenta Martins. Analistas respondem o porque da dificuldade de Serra em defender o legado de Fernando Henrique. “Primeiro porque o Serra nunca foi um grande fã do governo Fernando Henrique. Segundo é que as pesquisas mostram que o FHC não é tão popular quanto Lula”, diz Melo. “Ele nem mostrou o FHC quando concorria para sucedê-lo. Agora fica um pouco fora”, diz Martins, que cita os avanços do governo FHC, como a estabilidade econômica e política. Mas há uma crise de identidade na oposição? ”Como fazer oposição a um governo que é tão bem avaliado? Quando você tem pontos que realmente pegam, como a ética, o nepotismo, ele não consegue fazer pegar no eleitorado porque o eleitor sabe que no partido dele tem também”, diz Martins.

00h31 – Melo comenta o esgotamento dos assuntos trazidos por Serra. “O PT teve uma postura olímpica. Tinha os assuntos, mas só precisou usar agora”, diz.

00h29 – Martins repara na fala de Dilma, que diz que Serra é arrogante. Para ele, os estrategistas da campanha identificaram a percepção, disseminada no Twitter, de que o candidato tucano está muito arrogante.

00h20 – “O primeiro bloco foi mais pesado. O segundo bloco teve um grau de agressividade um pouco menor”, diz Melo. “Acho que tudo é muito menos programático do que estratégico”, acrescenta Martins, para quem os candidatos falam para a edição do programa eleitoral. Melo lembra que Serra critica o fato de Lula ter dado continuidade para os programas sociais de FHC, mas está, ao longo da campanha, comprando as bandeiras do PT. O exemplo é o desmatamento zero defendido por Serra. Martins destaca as discussões no Twitter: “Estão falando da arrogância do Serra”, diz.

00h14 – Martins destaca a escolha do tema ambiental pela Dilma. “Um tema caro à Marina”, diz. Melo acrescenta que que o “PT tem mais identidade com esse setor político do que o PSDB sempre teve”. “O eleitor de Marina tem várias facetas”, acrescenta Melo. “Tem os evangélicos, as viúvas do PT”, acrescenta Martins. “É um eleitorado multifacetado”, diz Martins.

00h10 – Melo ironiza a crítica de Serra à compra de aviões não tripulados pela PF. “O Serra quer ser mais nacionalista do que o PT”, diz Melo. “É esquizofrênico”, acrescenta Martins. “Vai contra a base social do PSDB”, diz Melo. “E a base social do PT já está com Dilma.” ”Isso é complicado porque no limite pode querer dizer reserva de mercado para a indústria nacional”, conclui.

00h02 – “Serra vestiu a carapuça e agora quer ser mais realista que o rei, mais estatista que o PT”, diz Carlos Melo sobre a defesa da Petrobrás feita por Serra. “A saída (para a carapuça) seria uma construção ao longo da campanha”, diz Melo, para quem a discussão em torno da questão da privatização é ideológica. “Essa é uma estratégia que colou em 2006, mas para a qual o PSDB não tem resposta”, acrescenta Martins. Para ele, Serra insiste na estratégia das privatizações pois esta “colou no primeiro turno”. Ele se refere às contradições da candidata do PT na questão do aborto. Para Melo, o antídoto para o PT é o fato de Serra ter assinado documento dizendo que não deixaria a prefeitura de SP.

23h52 – Martins comenta twit de @alvaro_andrade, para quem “o problema de discutir tráfico de influência é que todos tem problema, então tem que mudar para plano de governo”. “Isso não é uma variável, é uma constante entre os candidatos”, diz Martins sobre a presença do tema tráfico de influência no debate.

23h43 – “Ele foi muito mais agressivo, mas não golpeou a ponto de ela ficar grogue”, diz Melo. Martins vê mais do mesmo. “O que vêm agora? Tudo o que já era esperado veio no primeiro bloco”, diz Martins. Melo acha que é grande a quantidade de pessoas que devem ter desligado o televisor após o termino do primeiro bloco. “No primeiro bloco você tem que mostrar um certo ímpeto”, diz Melo. “Porque a partir de agora, a tendência é audiência diminuir”, continua. “Esse era um debate que foi marcado de última hora”, lembra Martins. Ele critica a falta de aprofundamento dos temas. Melo lembra que nos debates não há uma discussão sobre de onde virá o dinheiro. “Achar que o Congresso vai aprovar o que eles mandarem é uma grande balela”, diz. “E as promessas ainda nem apareceram”, concorda Martins, que destaca o salário mínimo de R$ 600 e a erradicação da miséria.

23h42 – “A maioria do eleitorado é mulher e é pobre, e quem se preocupa com a família é a mulher”, diz Melo. “Mas a eficácia é duvidosa. Quando Serra fala de multirão de varizes, ele erra”.

23h37 – “Quando as pessoas começam a assistir e vêem que os mesmo assuntos começam a ser retomados, o sujeito diz, ‘ah, vou dormir’”, diz Martins. Para Melo, os candidatos sabem que estão falando para um público muito restrito, dado o horário. O assunto saúde ganha força e Serra cita números do setor. “Essa coisa dos números não diz muita coisa. 15 mil consultas por mês quer dizer o quê?”, questiona Martins.

23h30 – Dilma pergunta sobre o ProUni. “Ela coloca a questão que é uma vitrine e vai tentar defendê-la”, diz Martins. O assunto acaba caminhando para o caso do Paulo Preto. Dilma diz que o governo Lula apura seus casos de corrupção. Martins atenta para a estratégia, que já tinha citado anteriormente. Melo chama a atenção para o discurso de Serra, que costuma chamar para si algumas obras. Segundo ele, há pesquisas que mostram que o eleitor vê arrogância nessa postura. “Ele diz eu fiz até para coisas que notadamente não foi ele”, concorda Martins. Serra cita o ex-assessor de Dilma Valter Cardeal, e diz que o governo alemão o investiga. “Agora ela pode falar que o governo francês investiga o caso Alston”, ironiza Martins.

23h23 – Serra pergunta sobre privatizações. “Ele está assumindo a paternidade da privatização do setor de telecomunicações”, diz Melo. “O Serra está mais agressivo do que nos outros debates”, continua. “Ele não tem outra alternativa a não ser roubar os votos dela. Mas é mais arriscado atacar”, responde Martins. Serra cita Erenice Guerra e Dilma responde com Paulo Preto. “Quem com Erenice fere, com Paulo Preto será ferido”, brinca Melo.

23h13 – Começa o debate da Record. Dilma começa perguntando. “Crescimento a taxas chinesas por causa do PAC?”, ironiza Melo. “Cade a pergunta, Dilma?”, diz Martins. Melo comenta o gestuário de Dilma, que aponta para si quando fala do PAC. “Essa é uma tentativa de trazer as obras para o governo”, diz Martins. “No campo da infraestrutura ela se coloca com mais facilidade. Ela cita cidades, ela tem os números na cabeça, porque ela está gerindo isso”, diz. Para Martins, no entanto, o Brasil tem “graves problemas de infraestrutura”.

23h08 – “Maluf fez escola”, diz Melo sobre a prática dos candidatos de não responder às perguntas. ”Nesse sentido, faz falta personagens como Maluf, Brizola, Covas”, continua. “Acho que é uma coisa do marketing político”, diz Martins, para quem é orientação dos próprios marqueteiros a estratégia de responder às perguntas com outros assuntos. “Deixa de ser um debate para ser versões”, diz Melo.

23h05 – Temas que devem permear o debate, segundo os analistas: privatizações, educação e saúde. “O PSDB acusou o PT de não reverter as privatizações”, diz Martis, que vê um debate esquizofrênico na discussão.

23h - “A princípio tem um negócio que se chama vetos cruzados”, diz Melo sobre a presença “O eleitor sabe que de ambas as partes têm problemas”, diz Martins.

Tags: debate, Dilma Rousseff, Eleições, José Serra, TV Record
NO LINK:

http://blogs.estadao.com.br/radar-politico/2010/10/25/cientistas-politicos-comentam-debate-da-record-agora-mande-suas-perguntas/

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

DESABAFO BRASIL: A RAPOSA A CUIDAR DO GALINHEIRO!

DESABAFO BRASIL: A RAPOSA A CUIDAR DO GALINHEIRO!

BOLINHA DE PAPEL DEVE ACERTAR ALGUMAS CABEÇAS NA PODEROSA GLOBO


Laerte Braga

Os estragos causados pelo episódio da bolinha de papel atirada contra o candidato José FHC Serra são de grande monta na REDE GLOBO. A reação indignada de alguns jornalistas, em São Paulo principalmente, a preocupação com o bombardeio e desafios de outras redes em torno do noticiário do JORNAL NACIONAL sobre o episódio, tudo isso e muitos fatos outros, estão levando a direção geral do grupo a avaliar se promovem Ali Kamel para cima e afastam o todo poderoso do departamento de jornalismo, ou se simplesmente entram num acordo e Kamel vai cantar noutra freguesia.
A bolinha de papel não se desmanchou na água e acabou sendo a gota que faz transbordar.
A decisão será tomada após as eleições. Carlos Augusto Montenegro, diretor presidente do IBOPE, aumentou as preocupações do comando do grupo ao levar a informação que a bolinha de papel terá custado alguns pontos preciosos a José FHC Serra nas intenções de votos e Dilma teria hoje algo em torno de 16% de vantagem sobre o tucano.
O temor da GLOBO não está no fato do JORNAL NACIONAL ter apresentado um parecer forjado em torno do incidente envolvendo José FHC Serra. A mentira é intrínseca ao grupo. Mas no risco de crescimento das redes concorrentes. A RECORDE a mais próxima nos números de audiência e no que isso pode representar a curto, médio ou longo prazo para o “esquema”
O império de Roberto Marinho, pela primeira vez, parece estar sentindo o golpe, se vendo nas cordas e apostando fichas numa improvável eleição de José FHC Serra, mesmo assim, a um preço alto demais.
Para alguns setores do comando do grupo a empresa não é como VEJA. Tem preocupações com o parecer ser e não pode entrar numa zona de turbulência sem perspectiva de uma saída tranqüila. Ou pelo menos tenta fazer crer que é diferenciada. Banditismo de estilo mais nobre. Sangue azul.
A sorte de Ali Kamel está ligada à eleição de José FHC Serra e a própria GLOBO sabe que, a essa altura do campeonato, essa chance é mínima. Nem coelho da cartola, nem uma legião de coelhos.
E há quem entenda que o diretor de jornalismo comprometeu a credibilidade da rede e é preciso recuperá-la o mais rápido possível. O nível a que a grande mídia, GLOBO à frente, levou a campanha, o mais baixo da história das campanhas presidenciais no Brasil, pode afetar para além do JORNAL NACIONAL, do departamento de jornalismo, todo grupo.
Um episódio mais ou menos semelhante aconteceu em 1982 quando Armando Nogueira deixou o departamento de jornalismo da rede por conta do escândalo da PROCONSULT. Àquela época o fato revestiu-se de tal gravidade que algo inimaginável aconteceu. Brizola foi aos estúdios da GLOBO numa tentativa da empresa de atenuar os prejuízos causados com outra tentativa, a de fraude na totalização dos votos para o governo do estado do Rio.
Foi o primeiro momento na história de impunidade da GLOBO que a turma se viu acuada.
Kamel não age sozinho e nem monta todo esse sórdido esquema de mentira à revelia dos donos do império. Faz o que faz com aprovação dos senhores do “negócio”. A diferença é que os senhores do “negócio” se preservam nos castelos do baronato Marinho e têm, sempre, um bode expiatório à mão.
Sem falar nos interesses que acoplam a GLOBO a um todo que ultrapassa o setor de comunicações. Os braços são longos a toda a atividade econômica no País em se tratando de interesses escusos. Ou seja, há necessidade de prestar conta aos que pagam e ditam os caminhos do grupo.
Nesta campanha eleitoral os interesses bilionários em jogo e a aposta de todas as fichas na campanha de José FHC Serra parecem ter deixado cegos os moradores do castelo e do PROJAC, uma espécie de centro de mentiras, boatos e cositas más.
A turbulência chegou ao auge no laudo falso do perito Ricardo Molina, prontamente desmentido pelas redes concorrentes e por um fenômeno que a GLOBO ainda não absorveu inteiramente. A blogsfera. Ou seja, o conjunto de blogs independentes de grandes e anônimos jornalistas ou não, a derrubar em cima de cada mentira, a versão global.
Hoje o número de internautas no País é significativo, a repercussão dos comentários em blogs, sites, portais, redes de comunicação acaba por criar uma força quase tão poderosa quanto a GLOBO.
Quase tão poderosa? É a avaliação de alguns especialistas pelo simples fato que, nesta eleição a candidata do PT vence por larga margem entre os eleitores de renda mais baixa (políticas sociais de Lula) e o prejuízo à GLOBO acontece nas chamadas classes médias, divididas entre os dois candidatos e ponderável parcela escapando do fascínio do plim plim.
O poder aquisitivo dos brasileiros aumentou nesses últimos oito anos, há um orgulho nacional com o papel do Brasil no mundo e o que esse novo perfil provoca no mundo da comunicação não foi ainda tratado corretamente pela GLOBO, a mídia privada como um todo, não foi absorvido o que quer dizer que nessa nova realidade ainda tateiam apesar de todos os esforços para diminuir o impacto da transformação.
Foi visível na campanha de Obama, é visível na campanha de Dilma.
Tornou-se mais difícil mentir, enganar, características do grupo e da mídia privada.
O que não quer dizer que até domingo, 31 de outubro, dia da votação, todo o grupo não vá se empenhar na campanha de José FHC Serra e na onda de mentiras e boatos que possam prejudicar Dilma Roussef.
Nem tem como. Equivaleria a um pouso de barriga e os riscos de um incêndio são altos demais numa eventual mudança de posição (fora de propósito), ou correção de rota para uma área neutra.
A gênese da GLOBO é a mentira e o DNA preserva suas principais características até o último suspiro.
O que assusta os donos do “negócio” para além da derrota eleitoral? Um monte de fatores.
Surge uma discussão no Brasil impensável há meses atrás, falo de proporções. Até que ponto é possível a uma empresa/famílias manter o monopólio das comunicações e associada a empresas outras (menores), mas fechando o cerco em torno de quem ainda lê jornal impresso, revistas e que tais?
O que é de fato liberdade de expressão? A mentira? O engajamento em interesses de grupos econômicos nacionais e estrangeiros (associados)?

LEIA MAIS NO LINK
http://blogdadilma.blog.br/

ELEIÇÕES PARA PRESIDENTE SEGUNDO TURNO 25/10 NOVOS NÚMEROS Vox Populi: Dilma seria eleita com 57%, Serra 43%


Vox Populi: Dilma seria eleita com 57%, Serra 43%
outubro 25th, 2010 | Autor: Jussara Seixas

Matheus Pichonelli, iG São Paulo
Pesquisa Vox Populi/iG publicada nesta segunda-feira mostra que, a menos de uma semana das eleições, a candidata do PT ao Palácio do Planalto, Dilma Rousseff, mantém a dianteira sobre o tucano José Serra na corrida presidencial. A ex-ministra da Casa Civil oscilou dois pontos para baixo em relação ao levantamento realizado pelo instituto entre os dias 15 e 17 de outubro e agora conta com 49% das intenções de voto. Com isso, ela tem uma vantagem de 11 pontos sobre Serra, que perdeu um ponto e aparece com 38%.

O número de eleitores que pretendem votar nulo ou em branco ainda é de 6% – mesmo índice contabilizado na última pesquisa. O Vox Populi apontou, no entanto, aumento do número de eleitores indecisos ou que não responderam ao questionário: de 4% para 7%.

Considerando-se apenas os votos válidos, Dilma seria eleita com 57% contra 43% de Serra. De acordo com esse critério, a distância entre os dois candidatos é de 14 pontos, igual à apontada pelo último levantamento. Ainda assim, 88% dos eleitores ainda afirma, porém, que já tem certeza da decisão tomada.

O Vox Populi ouviu 3.000 pessoas em 214 municípios, entre os dias 23 e 24 deste mês e, portanto, já refletem a repercussão de episódios que marcaram o debate presidencial na semana passada, como o tumulto em um compromisso de Serra no Rio de Janeiro. A margem de erro é de 1,8 ponto percentual. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob número 37059/10 em 20 de outubro.

Vantagem

A região onde a candidata do PT tem a maior vantagem em relação ao adversário tucano é o Nordeste: 64%, contra 27%. O Sul é a única região em que Serra tem vantagem sobre a petista: 47% a 39%. No Sudeste, onde está concentrada a maior fatia do eleitorado, ela venceria por 44% a 40%.

Entre os eleitores de Dilma, 53% são homens e 46%, mulheres. Já Serra tem mais apoio entre mulheres (40%) do que entre os homens (36%).

Num momento em que temas religiosos ganharam destaques na campanha, a pesquisa aponta também que Dilma venceria o rival entre eleitores católicos (51% a 39%), católicos não praticantes (53% a 35%) e evangélicos (44% a 41%). Entre os eleitores que não têm religião, a vantagem da petista é de 46% a 38%.

domingo, 24 de outubro de 2010

BRASIL - LEIA : Iniquidades ideológicas

Iniquidades ideológicas
outubro 24th, 2010 | Autor: Terror do Nordeste

Aproximando-nos do desfecho do processo eleitoral, é profundamente lamentável a constatação do baixíssimo nível que tem marcado muitos dos seus momentos. E qualquer que seja o balanço que se faça a respeito , um lugar vergonhosamente especial estará reservado à perversa declaração de que Dilma seria a favor de matar as criancinhas. Dentre todas as iniquidades ideológicas produzidas no instante em que vivemos, essa certamente se candidata a engrossar o rol das mais revoltantes posturas assumidas na história do ambiente político nacional, com a inverdade e a desfaçatez sendo postas a serviço de propósitos nem sempre confessáveis.

A vantagem dos cabelos brancos deste colunista – se há vantagem nos cabelos brancos – é que eles, sendo a metonímia do passar do tempo, por isso mesmo me fizeram testemunha de muitos momentos relevantes da história moderna do meu país, alguns de bem triste memória, outros de profundo regozijo.

Quando jovem, ouvia dizer que os comunistas eram criaturas pérfidas que “comiam criancinhas”, Aliás, recordo-me de que a primeira vez em que escutei essa afirmação foi quando, presidente em um grêmio estudantil do Colégio Pedro II, com meus 15 anos, quis promover no colégio uma palestra com o desembargador Osni Duarte Pereira, cujo tema era “O Petróleo é nosso”. O palestrante seria comunista, na visão de quem queria proibir o evento, e “comunistas, você sabe, dizem até que comem criancinhas…”

Coincidências? Não creio. O pensamento retrógrado, quando não consegue explicitar suas teses (ou não quer deixá-las claro, por serem retrógradas), vale-se de argumentos terroristas, insufla o medo. Naquele momento (estávamos em 1958), a cobiça do capital estrangeiro debruçava-se sobre o nosso petróleo, havia até quem dissesse que nem tínhamos petróleo, e defendê-lo era coisa de esquerdista, de comunista, rótulo que atingia a todos que possuíam uma visão nacionalista do problema. Hoje, com o pré-sal na alça de mira dos que pretendem fazer o jogo entreguista de sempre, não sei por quê, comparo a frase gerada na campanha tucana àquela que escutava então…

O discurso do medo é a arma dos que não têm coragem de assumir posições “inassumíveis” para o grande público. Estou aqui me lembrando de Regina Duarte, alçada à condição de arauto da desgraça naquele patético depoimento que antecedeu a eleição do Lula. Lula de quem, aliás, se dizia que não tinha condições pessoais de governar o país, porque jamais tinha tido um cargo executivo, e que hoje sai do governo com 80% de aprovação popular. Coincidências? Não creio. A turma tucana vive por aí apregoando os “títulos” de seu candidato como se fossem , por si só, representativos de algo. E afirmando, categoricamente, como cassandras vocacionais que são, que a Dilma “não vai dar conta…” porque lhe falta experiência (que, aliás, não falta). E cá para nós: será que não conhecemos muitas figuras nefastas na política do nosso país que já ocuparam todos os cargos possíveis e imagináveis?

Junto com o discurso do medo, a direita é pródiga em sentenciar a imoralidade alheia, a corrupção dos outros, e tem o apoio da mídia para repercutir isso, a mesma mídia que se cala no que respeita à improbidade dos que atendem aos seus interesses. Coloca-se Erenice na ordem do dia, mas Arruda e suas falcatruas com a coisa pública são convenientemente esquecidos – e ele seria o vice do Serra, como “expressivo” nome do DEM. Bate-se no mensalão do PT, mas não se fala no do PSDB mineiro (que, aliás, inaugurou o “valerioduto”) ou do descalabro da última administração tucana no Rio Grande do Sul. Coloca-se em evidência os negativos apoios de Collor e Sarney, mas convenientemente omitem-se, no outro lado, os de Jefferson e Maia (quando haverá som na vergonhosa e inexplicável “Cidade da Música”?). Sobre corrupção, aliás, fala-se muito dos corrompidos , pouquíssimo dos corruptores – empresas fraudadoras, empreiteiras sempre dispostas a comprar pessoas – , que representam a falência ética de um perverso sistema capitalista, onde o lucro é único objetivo.

O pensamento direitista em nosso país tem-se mostrado, ao longo do tempo, terrorista e falsamente moralista. E, às vezes não disfarçadamente, antidemocrático. Já entrou para os anais da história retrógrada da política brasileira a frase de Carlos Lacerda, direitista-mor da antiga UDN, de quem o DEM é herdeiro de sangue e o PSDB por adoção. Falando sobre a possibilidade de Juscelino Kubtscheck vir a ser Presidente da República, Lacerda disse (cito de memória): “Juscelino não pode ser candidato. Se for, não pode ganhar. Se ganhar, não pode tomar posse. Se tomar posse, deve ser derrubado.” No início do atual processo eleitoral, o PSDB tentou “impugnar” a candidatura de Dilma, lembram-se? Coincidências? Não creio.

São múltiplas as máscaras de que a direita se utiliza para a manutenção dos seus padrões e interesses de classe. O caso do aborto (com a chancela de setores obscurantistas da Igreja, como nos mostrou o Eliakim em seu brilhante artigo) apenas revela mais uma dessas faces. Vivencio coisas desse tipo desde os meus tempos de garoto. E se há uma diferença a considerar é que, para a direita, os seus opositores, nos anos 50, comiam criancinhas. Nos dias de hoje, só matam…

Rodolpho Motta Lima, Direto da Redação
Postado por TERROR DO NORDESTE às 13

Canelinha (SC) Swian Zanoni é campeão



SUPERLIGA BRASIL DE MOTOCROSS - Swian Zanoni é campeão antecipado na MX2
Mesmo sem vencer em Canelinha (SC), piloto da Equipe Honda leva título da categoria

Data: 24/10/2010 by Vipcomm

CANELINHA (SC) - O piloto oficial da Equipe Honda Swian Zanoni conquistou neste domingo (24), em Canelinha (SC), mais um título na temporada 2010. O mineiro residente em Nova Friburgo (RJ) levou com uma etapa de antecipação o campeonato na categoria MX2 da Superliga Brasil de Motocross. Mesmo sem vencer a bateria, Swian obteve os pontos necessários para ser campeão. Na MX1, a decisão foi levada para a última etapa e a disputa está entre três pilotos Honda: Swian, Leandro Silva e João Paulino Marronzinho.

MX2 - Swian Zanoni preferiu não arriscar e começou a bateria apenas na 10ª posição. Volta a volta, o piloto buscou as posições até terminar em quarto lugar, mais do que suficiente para assegurar o título da temporada na categoria. "Tive um pouco de dificuldade no início da prova, mas optei por andar mais tranquilo e pontuar para ser campeão. Depois que ultrapassei o Ratinho [Marcello Lima], meu principal adversário, foi só administrar a corrida", diz Swian. Antônio Jorge Balbi completou a corrida de ponta a ponta. Briga boa foi pela segunda colocação entre João Paulino "Marronzinho" e Jean Ramos. No final, Marronzinho levou a melhor e ficou com a vice-colocação. "Foi uma prova difícil, mas consegui segurar a segunda posição. Estou muito feliz em vencer em Canelinha, local que considero a minha casa no motocross", destaca o catarinense. O satélite Honda Hector Assunção (Itamaracá Fox) finalizou em terceiro. O quinto lugar foi para o também piloto da Equipe Honda Jean Ramos.

MX1 - Wellington Garcia saiu na frente, com Swian Zanoni atrás. Ainda na primeira volta, Swian tomou a liderança da prova, porém cometeu um pequeno erro que o levou ao chão. Quem assumiu a liderança por pouco tempo foi João Paulino Marronzinho, que logo perdeu a posição para Antônio Jorge Balbi, vencedor da etapa. Marronzinho ficou em segundo, seguido de Wellington Garcia. Leandro Silva, quarto colocado, teve que segurar Swian até as últimas curvas para a garantir a posição. "Ainda não consegui fazer a prova do jeito que eu gostaria. No final, acabei sentindo um pouco os braços, mas deu para manter a colocação", explica Leandro. Swian, em quinto, segue na liderança da categoria com 88 pontos. "Agora é manter a cabeça para a etapa final e tentar levar mais esse título", completa Swian. Leandro e Marronzinho estão empatados na vice-colocação com 83.

Mais satélites Honda

O jovem Endrews Armstrong (Dunas Team) deu um show de pilotagem na MXJr. Logo na primeira curva, o paranaense se chocou com outros dois pilotos e viu seu principal oponente Anderson Amaral assumir a liderança da prova. Em corrida de recuperação, Endrews obteve a terceira colocação e manteve o primeiro lugar da categoria. "Demorei para levantar depois da queda. Daí em diante só pensava em buscar posições. Minha equipe só avisou que eu estava em terceiro no final da prova", conta Endrews.

Na MX3, o satélite Honda Cristiano Lopes (IMS Honda) saiu na frente, porém perdeu a liderança da prova logo na segunda volta para Davis Guimarães. Com isso, Cristiano terminou na vice-colocação da bateria.

Na avaliação do assessor de competições Honda, Wilson Yasuda, essa primeira temporada da Superliga demonstra a seriedade do campeonato. "Praticamente em todas as etapas tivemos boas disputas e pegas. Em relação ao time da Honda, os bons resultados da equipe demonstram todo o trabalho desenvolvido para evoluir a modalidade. O objetivo é fomentar o apoio aos pilotos, tanto os oficiais quanto os satélites. O investimento tem dado certo", finaliza Yasuda.

A Superliga Brasil de Motocross finaliza a temporada 2010 nos dias 20 e 21 de novembro na cidade mineira de Poços de Caldas.

A Equipe Honda tem apoio da Mobil, Pirelli, Showa, ASW, Oakley, Reebok, Orbital, Riffel, Polisport, DID, Protaper, NGK, aCircuit Equipment e Brasil Racing.
Vipcomm - Agência de comunicação

CANELINHA/SC - Swian Zanoni conquista título por antecipação na MX2 da Superliga Brasil de Motocross





Piloto comemora título na sexta etapa da competição, realizada em Canelinha (SC)

Data: 24/10/2010 by Vipcomm

CANELINHA (SC) - Swian Zanoni conquistou o título da MX2 por antecipação na sexta etapa da Superliga Brasil de Motocross, realizada em Canelinha (SC), no Motódromo Internacional da cidade. O piloto se sagrou campeão com o quinto lugar na categoria. Jorge Balbi foi o grande vencedor do dia, conquistando a primeira posição na MX1 e MX2, principais categorias da competição.

MX1
Balbi assumiu a liderança da prova logo após a largada, mas perdeu o posto para Swian Zanoni, que acabou cometendo um erro em seguida. João Paulino aproveitou a situação para assumir o primeiro lugar, mas foi ultrapassado pelo mineiro Balbi, que abriu vantagem dos outros pilotos e finalizou a prova na primeira posição. O catarinense Marronzinho foi o segundo colocado e Wellington Garcia chegou na terceira posição.

Swian conseguiu se recuperar e terminar a corrida no quinto lugar, mantendo a liderança do campeonato. “Acreditei que dava para entrar numa mesa da pista e acabei errando. Mas estou feliz com este resultado. Agora só preciso fazer uma matemática em casa e me preparar para última etapa.

MX2
Jorge Balbi disparou na frente da corrida logo no início e ganhou distância dos adversários. Sem dar chances para os outros concorrentes, o piloto faturou o primeiro lugar. Restou para os outros competidores a briga pela segunda posição, que passou por Roosevelt Assunção, Jean Ramos e por último por Marronzinho, que segurou a vice-liderança da prova até o final. Hector Assunção foi o terceiro colocado.

Swian Zanoni levou o título da temporada 2010 por antecipação com o quarto lugar. O mineiro, que reside em Nova Friburgo (RJ), largou mal e foi para a 10ª posição, mas fez algumas ultrapassagens e subiu ao pódio na quarta posição. “A prova estava difícil. Eu segurei um pouco, preferi não arriscar o título. Agradeço a todos que ajudaram a conquistar essa vitória”, comemorou.

MX3
Cristiano Lopes saiu na frente depois da largada da MX3. O catarinense Milton Becker “Chumbinho” vinha na segunda posição, mas foi ultrapassado por Davis Guimarães na primeira volta. Em seguida, Davis entrou na briga com Cristiano, e assumiu a liderança da prova. Chumbinho sofreu uma queda na segunda volta e caiu para a sexta posição.

Davis abriu vantagem dos outros adversários e terminou a corrida na primeira posição. “Larguei em terceiro, passei os dois pilotos e administrei a vantagem até o final, disse Davis. Nos instantes finais, o catarinense Chumbinho, que fez uma prova de recuperação, pressionou Cristiano, mas não conseguiu passar. Cristiano ficou com a segunda posição e Chumbinho com a terceira. “Essa é a segunda prova que corro depois que me acidentei. Cometi alguns erros que me fizeram perder tempo. Queria muito ter ganhado essa corrida em casa”.

MX4
Na MX4, quem subiu ao lugar mais alto do pódio foi o paulista Wellington Valadares, que segue na liderança do campeonato. O piloto de Palhoça (SC), Anísio Clasen, foi o segundo colocado, seguido do paulista Júlio Xavier.


MXJr
O líder do campeonato, Endrews Armstrong, caiu logo na primeira volta. Anderson Amaral aproveitou o erro de seu principal adversário para assumir a ponta da corrida e abrir vantagem dos demais concorrentes, terminando a prova no primeiro lugar. “Fiz uma ótima largada e comecei a me distanciar rápido dos meus adversários. Agora vou manter a cabeça no lugar para buscar o título na última etapa”, concluiu Anderson. Leonardo Lizott foi o segundo colocado, seguido de Endrews, que segue na liderança da categoria.

CRF-230
Ismael Rojas, segundo colocado no campeonato, saiu na frente depois da largada, mas sofreu uma queda. Com Ismael fora da briga, ficou mais fácil para Nivaldo Viana assumir a liderança da corrida e conquistar a vitória. O segundo e terceiro lugares ficaram com Fabiano Nestor e Germano Vandresen, respectivamente. “Me concentrei muito para essa etapa e tive um novo preparador de motor também. O resultado foi essa vitória. Agradeço à minha equipe e ao Jorge Balbi pela força”, disse Nivaldo.

65cc
A corrida entre os jovens pilotos da 65cc foi acirrada. O catarinense José Bryan assumiu a ponta no começo da prova. O piloto de Massaranduba (SC) foi pressionado por Djalma Brito e Enzo Lopes, mas não abriu espaço para os adversários e conquistou a primeira posição. “Essa pista é maravilhosa, é muito bom correr aqui”, disse Brian. Djalma vinha em segundo lugar até sofrer uma queda na última volta. Enzo Lopes assumiu a segunda colocação, seguido de Djalma.

A Superliga Brasil de Motocross tem patrocínio da Honda, Mobil e Aymoré Financiamentos, co-patrocínio da Pirelli, Consórcio Nacional Honda e apoio da rádio Jovem Pan.
Vipcomm - Agência de comunicação

CANELINHA/SC SUPERLIGA BRASIL DE MOTOCROSS - Confira os resultados das baterias da sexta etapa

Competição está sendo realizada em Canelinha (SC)

Data: 24/10/2010 by Vipcomm

BATERIA 65CC
Pl N° Piloto Tempo Diferença
1 98 JOSÉ BRYAN 17' 16.325 8 voltas
2 2 ENZO LOPES 17' 17.209 00' 00.884
3 18 DJALMA BRITO 17' 39.435 00' 23.110
4 10 DANIEL REICHARDT 18' 23.963 01' 07.638
5 49 CARLOS EVANGELISTA 18' 30.447 01' 14.122
6 101 RENATO MATTOS 18' 48.036 01' 31.711
7 128 THIAGO BRENNER 17' 25.598 7 voltas
8 75 LEONARDO MACHADO 17' 32.918 00' 07.320
9 90 BRUNO ZAMANA 18' 34.548 01' 08.950


BATERIA MX3
Pl N° Piloto Tempo Diferença
1 287 DAVIS GUIMARÃES 23' 28.409 12 voltas
2 1 CRISTIANO LOPES 23' 34.726 00' 06.317
3 2 MILTON BECKER 23' 35.557 00' 07.148
4 46 RICHARD BEROIS 23' 54.728 00' 26.319
5 48 ERIVELTO ROSSI 24' 23.610 00' 55.201
6 19 VAGNER LACHI 24' 23.952 00' 55.543
7 610 MARCIO JOANITA 25' 03.981 01' 35.572
8 90 MARCO PAZ 25' 07.855 01' 39.446
9 35 FLÁVIO BRITO 24' 04.843 11 voltas
10 232 CARLOS COELHO 24' 14.633 10 voltas
# MX4
1 8 WELLINGTON FERREIRA 25' 01.188 12 voltas
2 73 ANISIO CLASEN 25' 15.405 00' 14.217
3 39 JULIO XAVIER 23' 31.629 11 voltas
4 59 FLÁVIO MACHADO 23' 37.695 00' 06.066
5 158 SANDRO DA ROSA 24' 14.143 00' 42.514
6 216 LEO LOPES 24' 37.393 01' 05.764
7 49 ROGÉRIO SCHIMITT 24' 48.676 01' 17.047
8 117 INGO JR 24' 53.425 01' 21.796
Vipcomm - Agência de comunicação

Dia do Aviador - VIVA ALBERTO SANTOS DUMONT O PAI DA AVIAÇÃO


Foto WIKIPÉDIA VEJA MAIS http://pt.wikipedia.org/wiki/Santos_Dumont

Homenagem ao Dia do Aviador

Posted: 23 Oct 2010 09:29 AM PDT

Infográfico: Thiago Melo

Hoje é o Dia do Aviador e para homenageá-los conversamos com cadetes, instrutores e veteranos brigadeiros-do-ar para que expliquem um pouco da importância de suas atividades para o País. Personagens como o tenente-brigadeiro João Felipe Lacerda, um dos pioneiros da implantação da Academia da Força Aérea (AFA), que dedicou mais de meio século à carreira de piloto. “A vida do aviador é forjada pelos ideais e valores patrióticos. Em 50 anos de serviço ao Brasil, voei em diversas aeronaves. Hoje, na reserva, tenho muita saudade dos meus tempos de piloto. Valeu muito a pena”.

O sonho de voar, que começou ainda na infância, é o que motiva o cadete Cavalcanti, primeiro colocado na turma de ingresso à AFA, a se dedicar integralmente à carreira. Para ele, não há palavras para descrever o sentimento do primeiro voo como piloto. “É magistral o voo na Academia e uma honra ser piloto da Força Aérea Brasileira.”

Para o major Yuri Brauner, instrutor da AFA, a carreira é motivada pela disciplina, senso de organização, união, coragem, honra, lealdade, dever e pátria:

O voo vem justamente para desafiar – algo para o qual nós não fomos feitos – a gente conseguir dominar o avião, conseguir colocá-lo no ar, conseguir fazer tudo o que a gente precisa com esse avião… É esse desafio e essa satisfação subsequente que nos mantém motivados.

Em nota comemorativa ao Dia do Aviador, o presidente ressaltou a importância de o País contar com uma Aeronáutica presente em todas as principais dimensões da vida nacional, desde as contribuições para o combate à exclusão social até o gerenciamento de um moderno e inteligente sistema de controle do espaço aéreo.

O Dia do Aviador foi escolhido em função da data em que Santos Dumont, no ano de 1906, levantou voo com o seu 14-Bis, o primeiro voo de um aparelho mais pesado do que o ar. Era o início da aviação, considerado o meio mais rápido e arrojado de locomoção já conseguido pelo homem.

CANELINHA/SC SUPERLIGA BRASIL DE MOTOCROSS - Pilotos participam do warm up na sexta etapa da competição Crédito - Luiz Pires/VIPCOMM


Pilotos participam do warm up na sexta etapa da Superliga Brasil de Motocross
Provas começam a partir das 10h50, em Canelinha (RS)

Data: 24/10/2010 by Vipcomm

CANELINHA (RS) – Os pilotos entraram na pista do Motódromo Internacional de Canelinha na manhã deste domingo (24), para o warm up da sexta etapa da Superliga Brasil de Motocross. Os competidores de cada uma das sete categorias (MX1, MX2, MX3, MX4, MXJr, CRF-230 e 65cc) tiveram mais uma oportunidade de conferir o traçado para se prepararem para as provas, que começam às 10h50.

Confira os resultados do warm up

MX1


Cl N° Piloto Melhor Volta
1 3 JORGE BALBI 1' 45.992
2 11 JOÃO PAULINO "MARRONZINHO" 1' 46.337
3 7 SWIAN ZANONI 1' 47.180
4 377 KURT ROCHA 1' 47.333
5 27 GUSTAVO TAKAHASHI 1' 48.288
6 4 ROOSEVELT ASSUNÇÃO 1' 48.290
7 21 WELLINGTON GARCIA 1' 48.891
8 14 LEANDRO SILVA 1' 48.990
9 16 RAFAEL FARIA 1' 49.578
10 18 JEAN RAMOS 1' 49.888
11 931 RAFAEL ZENNI 1' 50.463
12 338 EDUARDO LIMA "DUDU" 1' 50.740
13 20 ANDERSON CIDADE 1' 50.879
14 38 MARCELLO LIMA "RATINHO" 1' 51.459
15 29 GABRIEL GENTIL 1' 51.590
16 55 LUIS CLAUDINO 1' 58.987
17 916 GABRIEL ZENNI 2' 06.096
18 28 RODRIGO CASTRO - Box -



MX2

Cl N° Piloto Melhor Volta
1 30 HECTOR ASSUNÇÃO 1' 52.725
2 16 RAFAEL FARIA 1' 53.058
3 3 JORGE BALBI 1' 53.420
4 29 GABRIEL GENTIL 1' 55.198
5 577 HUGO AMARAL 1' 58.591
6 25 JOÃO FELTZ 1' 59.143
7 291 LEANDRO SMAKOVICS 2' 01.050
8 201 TAUAN BRENNER 2' 01.820
9 931 RAFAEL ZENNI 2' 02.885
10 40 VICTOR FELTZ 2' 03.482
11 361 MAICON FRENA 2' 05.857
12 18 JEAN RAMOS 2' 05.877
13 311 EDUARDO VIEIRA 2' 14.851
14 251 CAUE AGUIAR 2' 20.196
15 516 MARCELO DESSUNTI 2' 22.725
16 177 GABRIEL CLAUDINO 2' 23.779
17 832 MAURITI RIBEIRO 2' 33.790
18 740 DIEGO TAVARES 6' 20.395
19 11 JOÃO PAULINO "MARRONZINHO" - Box -



MX3/MX4

Cl N° Piloto Cat Melhor Volta
1 2 MILTON BECKER MX3 1' 55.000
2 287 DAVIS GUIMARÃES MX3 1' 56.349
3 48 ERIVALDO NICOLADELLI MX3 2' 00.942
4 46 RICHARD BEROIS MX3 2' 01.658
5 73 ANISIO CLASEN MX4 2' 06.056
6 8 WELLINGTON FERREIRA MX4 2' 06.756
7 90 MARCO PAZ MX3 2' 06.888
8 1 CRISTIANO LOPES MX3 2' 07.425
9 59 FLÁVIO MACHADO MX4 2' 08.331
10 39 JULIO XAVIER MX4 2' 08.399
11 19 VAGNER LACHI MX3 2' 08.943
12 216 LEO LOPES MX4 2' 11.677
13 232 CARLOS COELHO MX3 2' 11.911
14 158 SANDRO DA ROSA MX4 2' 12.090
15 35 FLÁVIO BRITO MX3 2' 14.377
16 49 ROGÉRIO SCHIMITT MX4 2' 17.046
17 610 MARCIO JOANITA MX3 2' 17.114
18 117 INGO JR MX4 2' 19.688
19 274 MARCOS EVANGELISTA MX4 2' 42.382



MXJr

Cl N° Piloto Melhor Volta
1 1 ENDREWS ARMSTRONG 1' 58.748
2 7 LEONARDO LIZZOT 1' 58.825
3 4 ANDERSON AMARAL 1' 58.919
4 17 GUSTAVO PESSOA 2' 02.098
5 9 HALLEX DALFOVO 2' 02.340
6 191 DIEGO HENING 2' 03.038
7 34 PEDRO BUENO 2' 04.161
8 5 KAIO MIRANDA 2' 04.712
9 98 JOSÉ BRYAN 2' 07.551
10 289 GABRIEL CARBONERA 2' 07.650
11 45 CRISTIAN SCHERER 2' 07.861
12 216 ENZO LOPES 2' 09.244
13 102 DJALMA BRITO 2' 11.918
14 89 LUCIANO ORIANO 2' 13.092
15 150 DANIEL REICHARDT 2' 18.673
16 49 CARLOS EVANGELISTA 2' 20.273
17 145 LEONARDO SOUZA 2' 24.194
18 43 GUILHERME FAVAL 2' 26.802
19 26 STEFANY SERRÃO - Box -



CRF-230

Cl N° Piloto Melhor Volta
1 127 ISMAEL ROJAS 2' 05.662
2 228 JACSON KEIL 2' 09.280
3 3 NIVALDO VIANA 2' 11.526
4 96 RODRIGO MONTAGNA 2' 13.138
5 194 MARCELO DE SOUZA 2' 13.937
6 38 FABIANO SANTOS 2' 18.040
7 200 RICARDO KADES 2' 20.971
8 832 MAURITI RIBEIRO 2' 24.781
9 13 MATHEUS ALMEIDA 2' 27.132
10 719 GERMANO VANDRESEN 2' 30.280
11 309 LUIZ PUEL 2' 36.095



65cc

Cl N° Piloto Melhor Volta
1 2 ENZO LOPES 2' 13.685
2 18 DJALMA BRITO 2' 14.631
3 98 JOSÉ BRYAN 2' 16.005
4 101 RENATO MATTOS 2' 23.853
5 10 DANIEL REICHARDT 2' 27.261
6 49 CARLOS EVANGELISTA 2' 28.450
7 128 THIAGO BRENNER 2' 37.902
8 90 BRUNO ZAMANA 2' 56.692



A Superliga Brasil de Motocross tem patrocínio da Honda, Mobil e Aymoré Financiamentos, co-patrocínio da Pirelli, Consórcio Nacional Honda e apoio da rádio Jovem Pan.

Vipcomm - Agência de comunicação

Jornalisticamente Falando...: Serra mente ao afirmar que governo do PT entregou o Pré-Sal

Jornalisticamente Falando...: Serra mente ao afirmar que governo do PT entregou o Pré-Sal

sábado, 23 de outubro de 2010

Instituto de Criminalística da Polícia Federal poderá fazer reconstituição da cena do Serra Rojas


Instituto de Criminalística da Polícia Federal poderá fazer reconstituição da cena do Serra Rojas

Os Amigos do Presidente Lula


O maior tiro no pé que o PSDB poderia dar, ele deu. Pediu à Polícia Federal para entrar no caso da bolinha de papel.

Agora o INC (Instituto de Criminalística da Polícia Federal) já tem motivos para fazer um laudo científico desmascarando oficialmente o Jornal Nacional.

Laudos extra-oficiais, diversos internautas já fizeram, inclusive mostrando fraude na edição do Jornal Nacional, quando fez uma montagem fraudando os fatos, em cima do vídeo do celular do Reporter da Folha.

Mas um laudo oficial do INC será show de bola.

O laudo pode ter duas vertentes. A primeira é a análise do vídeo original, quadro a quadro, do celular da Folha, como muitos internautas já fizeram.

Essa primeira vertente já é suficiente para desmascarar.

Mas para reforçar, pode-se até fazer a reconstituição, como fizeram em casos polêmicos como dos Nardoni.

A reconstituição da cena, com ampla cobertura da imprensa, seria sensacional:

1) Peritos iriam ao local do "crime";

2) Levariam um celular do mesmo modelo do repórter da Folha;

3) Levariam uma fita crepe;

4) Colocariam um desses manequins de vitrine de loja caracterizados como Serra;

5) Posicionariam todos em suas respectivas posições;

6) Seriam feitos vários arremessos da fita em direção à careca do manequim, com variações de força e de modelo de fita, devidamente registrada pelo celular de mesmo modelo;

7) Confrontariam a imagem registrada pelo celular da trajetória da fita crepe, com a imagem original do repórter da Folha;

O confronto das imagens seria mais prova que é impossível ter havido um objeto arremessado.
Postado por olhosdosertão
http://olhosdosertao.blogspot.com/2010/10/instituto-de-criminalistica-da-policia.html

CANELINHA (SC) - O primeiro dia da sexta e penúltima etapa da Superliga Brasil de Motocross


SUPERLIGA BRASIL DE MOTOCROSS - Equipe Honda lidera treino classificatório na MX1
Swian Zanoni, João Paulino Marronzinho e Wellington Garcia fazem, respectivamente, os melhores tempos na principal categoria
23/10/2010

CANELINHA (SC) - O primeiro dia da sexta e penúltima etapa da Superliga Brasil de Motocross terminou com bom desempenho da Equipe Honda na MX1. Swian Zanoni, João Paulino Marronzinho e Wellington Garcia fizeram neste sábado (23) os melhores tempos na principal categoria da competição. O evento está sendo realizado no Motódromo Internacional de Canelinha (SC).

Swian teve dificuldades no início dos treinos, entretanto, a menos de quatro minutos para o fim do tempo da MX1, o mineiro residente em Nova Friburgo (RJ) garantiu o melhor lugar no gate de largada, com o tempo de 1:46.410. "Achei a pista bem dura e demorei um pouco para me acertar nela. Não acreditava que conseguiria o primeiro lugar. Agora é se concentrar e fazer uma boa largada amanhã", destaca Swian. João Paulino Marronzinho ficou em segundo, seguido de Wellington Garcia. "Liderei no início do treino, mas não deu para segurar. Mesmo assim, fiz um bom tempo e estou pronto para encarar a prova de amanhã", conta Wellington.

Na MX2, a disputa pelo melhor tempo foi acirrada. Os pilotos da Equipe Honda Wellington Garcia, João Paulino "Marronzinho" e Jean Ramos chegaram a ocupar a primeira posição. Porém no final do treino Antonio Jorge Balbi foi o mais rápido ao completar o percurso em 1:48.060. O catarinense Marronzinho ficou em segundo e Swian Zanoni, que tenta o título antecipado da categoria, em terceiro. "Correr em casa sempre é muito bom. Não consegui fechar os treinos na frente, porém estou satisfeito com o resultado de hoje", diz Marronzinho.

As atividades deste domingo (24) começam a partir das 8h com o warm-up. A primeira bateria tem largada prevista para as 10h50.

A Equipe Honda tem apoio da Mobil, Pirelli, Showa, ASW, Oakley, Reebok, Orbital, Riffel, Polisport, DID, Protaper, NGK, Circuit Equipment e Brasil Racing.

Programação deste domingo (24):

Warm-up
MX2 – 8h
65cc – 8h20
MX3 – 8h40
CRF230 – 9h
Júnior – 9h20
MX1 – 9h40

Corridas
MX3 – 10h50
65cc – 11h30
MX2 – 12h35
CRF 230 – 13h25
Júnior – 14h
MX1 – 15h10

Confira o resultado dos treinos classificatórios:

MX1

Cl N° Piloto Equipe Marc Melhor Volt Diferença
1 7 SWIAN ZANONI HONDA/MOBIL/PIRELLIAVANUTR HON 1:46.410 km/h
2 11 JOÃO "MARRONZINHO" HONDA/MOTOSHOPEMPTYPIRE HON 1:46.556 0.146
3 21 WELLINGTON GARCIA HONDA/REEBOK/PIRELLI/ORBITA HON 1:46.613 0.203
4 3 JORGE BALBI GILLETE/MOBILFINO GRÃO/MAR KAW 1:47.125 0.715
5 18 JEAN RAMOS HONDA/MOBIL/PIRELLI/JMR ESC HON 1:48.139 1.729
6 4 ROOSEVELT ASSUNÇÃO HONDA/PIRELLIFOX/MOBIL HON 1:48.486 2.076
7 338 EDUARDO LIMA "D VAZ/KAWASAKI/IMS/RINALDI/MO KAW 1:49.199 2.789
8 931 RAFAEL ZENNI IMS/HONDA/ZENNI PREPARAÇÕE HON 1:49.498 3.088
9 16 RAFAEL FARIA MX PARTSBRASIL RACINGHON HON 1:49.708 3.298
10 14 LEANDRO SILVA HONDA/MX PARTS/MR PRÓ/MOBI HON 1:49.709 3.299
11 29 GABRIEL GENTIL YAMAHA/GRUPO GERAÇÃO/MOT YAM 1:49.767 3.357
12 27 GUSTAVO TAKAHASHI CIRCUIT/HONDA HON 1:49.825 3.415
13 20 ANDERSON CIDADE YAMAHA/GRUPO GERAÇÃO/ELET YAM 1:49.834 3.424
14 377 KURT ROCHA MX PARTS/HONDA/BRASIL RACI HON 1:50.764 4.354
15 38 MARCELLO LIMA "R VAZ/KAWASAKIRINALDIIMSMO KAW 1:51.445 5.035
16 25 JOÃO FELTZ YAMAHA/GRUPO GERAÇÃO/PIRE YAM 1:51.742 5.332
17 28 RODRIGO CASTRO CIRCUIT/HONDA/POSTO MAX CE HON 1:54.185 7.775
18 39 JULIO XAVIER ROTA DO MARMODA CETEPREF HON 2:00.043 13.633
19 55 LUIS CLAUDINO PAPYRUS CONTABILIDADEESTA HON 2:01.824 15.414
20 916 GABRIEL ZENNI ZENNI PREPARAÇÕES/DASH YAM 2:02.061 15.651

MX2

Cl N° Piloto Equipe Marc Melhor Volt Diferença
1 3 JORGE BALBI DURACELL/GILLETE/ARIEL/I9/MO KAW 1:48.060 km/h
2 11 JOÃO PAULINO MARRONZINHO HONDA/MOBIL/PIRELI/ASW/SHO HON 1:48.166 0.106
3 7 SWIAN ZANONI HONDA/ASW/MOBIL/CCM/PIRELLI HON 1:48.426 0.366
4 18 JEAN RAMOS HONDA/PIRELLI/MOBIL/JMR ESC HON 1:48.778 0.718
5 30 HECTOR ASSUNÇÃO HONDA/IRMÃOS RH/ASSUNÇÃO/I HON 1:48.784 0.724
6 21 WELLINGTON GARCIA HONDA/REEBOK/PIRELLI/ASW/O HON 1:49.179 1.119
7 4 ROOSEVELT ASSUNÇÃO HONDA/MOBIL/PIRELLI HON 1:49.973 1.913
8 931 RAFAEL ZENNI HONDA/IMS/ZENNI PREPARAÇÕE HON 1:50.225 2.165
9 20 ANDERSON CIDADE YAMAHA/GRUPO GERAÇÃO/ELET YAM 1:50.297 2.237
10 16 RAFAEL FARIA HONDA/MX PARTS/BRASIL RACI HON 1:50.977 2.917
11 338 EDUARDO LIMA "D VAZ/KAWASAKI/IMS/RINALDI/MO KAW 1:51.250 3.190
12 27 GUSTAVO TAKAHASHI CIRCUIT/HONDA HON 1:51.318 3.258
13 29 GABRIEL GENTIL YAMAHA/GRUPO GERAÇÃO/RINA YAM 1:51.782 3.722
14 38 MARCELO LIMA "RA VAZ/KAWASAKI/IMS/RINALDI/MO KAW 1:51.785 3.725
15 25 JOÃO FELTZ YAMAHA/GRUPO GERAÇÃO MOT YAM 1:52.559 4.499
16 28 RODRIGO RODRIGUES CIRCUIT/HONDA HON 1:53.359 5.299
17 577 HUGO AMARAL HONDA/MASTTER MOTO HON 1:53.834 5.774
18 40 VICTOR FELTZ MARMORARIA VJF/VIDRAÇARIA KAW 1:56.510 8.450
19 291 LEANDRO SMAKOV PAFER/TIKAL EXTREME/IBM MOL KAW 1:56.648 8.588
20 201 TAUAN BRENNER TONI CENTERBRASIL RACINGC HON 1:57.396 9.336
21 386 HIGOR PASSOS MORMAII/AFAM/EK/FERODO/DAS HON 1:59.910 11.850
22 361 MAICON FRENA BABALU AUTO PEÇASPROVISO HON 2:01.005 12.945
23 251 CAUE AGUIAR MX RACING]RM MOTOS HON 2:01.283 13.223
24 311 EDUARDO VIEIRA ROTA DO MARMX DOM BUDA HON 2:05.312 17.252
25 740 DIEGO TAVARES BELPARTS/BOLLAMX/SERGINHO KAW 2:06.656 18.596
26 832 MAURITI RIBEIRO POSTO ATENAS HON 2:09.107 21.047
27 177 GABRIEL CLAUDIN PAPYRUS CONTABILIDADECOB HON 2:10.797 22.737
28 516 MARCELO DESSUN MERCADO DO CHICOLIDER AUT YAM 2:15.452 27.392

MXJr.

Cl N° Piloto Equipe Marc Melhor Volt Diferença
1 4 ANDERSON AMARAL 2B RACING DURACELLIRRIGAÇÃ HON 1:56.225 km/h
2 7 LEONARDO LIZZOT MX PARTS/LS RACING/HONDA HON 1:57.559 1.334
3 1 ENDREWS ARMSTRONG BRASIL RACING/ORBITALRENTH HON 1:58.640 2.415
4 5 KAIO MIRANDA HONDA/OAKLEY/MX PERSONAL HON 1:59.722 3.497
5 17 GUSTAVO PESSOA ITAMARACÁ PNEUS/HONDAFOX HON 2:02.194 5.969
6 34 PEDRO BUENO BRASIL RACING/MUNDIAL PRIME HON 2:02.234 6.009
7 9 HALLEX DALFOVO PRO TORK/TBT RACING/DALFOV HON 2:02.310 6.085
8 191 DIEGO HENING TEAM/MASTER RACINGHONDAI HON 2:02.876 6.651
9 289 GABRIEL CARBONERA MX PARTSBENETTÃO ACESSÓR HON 2:03.020 6.795
10 26 STEFANY SERRÃO MOTUL/NEYFAVALFLEX HON 2:05.474 9.249
11 102 DJALMA BRITO BRASIL RACINGBUDRINALDIM KTM 2:05.609 9.384
12 98 JOSÉ BRYAN KAIANE MALHAS/DIPIL/ACG/AUT KTM 2:05.644 9.419
13 45 CRISTIAN SCHERE VIOLA RACING/AGRO SCHERER HON 2:05.968 9.743
14 216 ENZO LOPES PIRELLI/ANSWERFREEDAY/LEO KTM 2:06.832 10.607
15 197 VINICIUS ROSA TECLAR HON 2:09.168 12.943
16 89 LUCIANO ORIANO HON 2:13.135 16.910
17 150 DANIEL REICHARD PRO MOTOS RACING/TCER HON 2:15.173 18.948
18 49 CARLOS EVANGELI BRASIL RACINGRX GRAPHICSM HON 2:18.612 22.387
19 43 GUILHERME FAVAL HON 2:20.580 24.355
20 145 LEONARDO SOUZA PREF. DE CAMBORIUAPOLA IMO HON 2:24.373 28.148
21 75 LEONARDO MACHA TREVO DA SORTEMOTO SHOP HON 2:27.316 31.091

MX3/MX4

Cl N° Piloto Cat Equipe Marc Nac Fed. Melhor Volt Diferença
1 287 DAVIS GUIMARÃES MX3 PROTORK/ADRENALINA/DASH KAW PR CURITIBA 1:52.929 km/h
2 2 MILTON BECKER MX3 PRO TORK/TBT KAW SC JOINVILE 1:54.249 1.320
3 46 RICHARD BEROIS MX3 YAMAHA/GRUPO GERAÇÃO/COL YAM SC SÃO JOSÉ 1:55.160 2.231
4 1 CRISTIANO LOPES MX3 POLISPORT/PROTAPER/IMS HON SP JUNDIAI 1:55.993 3.064
5 48 ERIVALDO NICOLA MX3 CHAPAM MOTO PEÇASENERGE KAW SC ORLEANS 1:56.698 3.769
6 39 JULIO XAVIER MX4 ROTA DO MAR/MODA CENTER/P HON STA CRUZ CA 1:57.829 4.900
7 19 VAGNER LACHI MX3 FREE WAY/IMS/ENZO SUSP/PLM HON SP ARAPONGAS 1:58.533 5.604
8 73 ANISIO CLASEN MX4 MOVELLE MOVEIS PLANEJADOS YAM SC PALHOÇA 1:59.706 6.777
9 610 MARCIO JOANITA MX3 JET FIO/IMS/ESTOPA JOANITA/ZE HON SP JUNDIAI 2:02.586 9.657
10 8 WELLINGTON FER MX4 IMS/HONDA/POLISPORT/PRO TA HON SP INDAIATUBA 2:03.174 10.245
11 35 FLÁVIO BRITO MX3 MASTTER RACING HON MS RIO VERDE D 2:03.917 10.988
12 90 MARCO PAZ MX3 MG PLAST RACING HON SP ATIBAIA 2:04.445 11.516
13 216 LEO LOPES MX4 LEOMOTOS.COM.BR HON RS LAJEADO 2:04.505 11.576
14 59 FLÁVIO MACHADO MX4 RADIEX PROD. AUTOMOTIVOS/A HON SP JACAREI 2:05.373 12.444
15 232 CARLOS COELHO MX3 MLA CONSTRUÇOES HON SC PALHOÇA 2:07.167 14.238
16 158 SANDRO DA ROSA MX4 AVTECCAMINHAO DO GAUCHO YAM SC BOMBINHAS 2:10.751 17.822
17 117 INGO JR MX4 JUNIOR AUDIO CARPANIFICADO HON SC CAMBORIU 2:11.872 18.943
18 49 ROGÉRIO SCHIMIT MX4 MOTO SHOP/LOBO SOM/JH LUBR YAM SC SÃO JOSÉ 2:12.767 19.838
19 362 ROQUE COLMAN MX4 CRC RACINGCIRCUIT HON SP SAO PAULO 2:19.112 26.183
20 274 MARCOS EVANGEL MX4 DIRT ACTION YAM SP SÃO PAULO 2:22.070 29.141

65CC

Cl N° Piloto Equipe Marc Melhor Volt Diferença
1 2 ENZO LOPES PIRELLI/ANSWER/FREEDAY/LEO KTM 2:06.615 km/h
2 18 DJALMA BRITO BRASIL RACING/BUD/RINALDI/M KTM 2:08.287 1.672
3 98 JOSÉ BRYAN KAIANI MALHAS/DIPIL/ACG/AUTO KTM 2:13.055 6.440
4 10 DANIEL REICHARD PRO MOTOS/TCER KTM 2:15.313 8.698
5 101 RENATO MATTOS MG RACING/MR PRÓ KTM 2:16.275 9.660
6 49 CARLOS EVANGELI BRASIL RACING/RX GRAPHICS/M KTM 2:17.758 11.143
7 75 LEONARDO MACHA TREVO DA SORTE/MOTO SHOP SÃO 2:27.327 20.712
8 128 THIAGO BRENNER BRASIL RACING/CONTABILIDADE KTM 2:28.754 22.139
9 90 BRUNO ZAMANA BORRACHARIA FARIA/PAPALEG KAW 2:43.919 37.304

CRF-230

Cl N° Piloto Equipe Marc Melhor Volt Diferença
1 3 NIVALDO VIANA ARIEL/GILETTE/MOBIL/MORMAII/I HON 2:02.144 km/h
2 127 ISMAEL ROJAS CONTI BIERGRUPO TCMIMSCIR 2:02.365 0.221
3 38 FABIANO SANTOS HON 2:04.997 2.853
4 719 GERMANO VANDRE BRASIL RACING/MEGA MOTOS/G 2:06.032 3.888
5 228 JACSON KEIL PRO TORK/CENTRAL AUTOMOVE 2:09.811 7.667
6 96 RODRIGO MONTAG MOTORS IMPORT PEÇAS P/ CAR HON 2:11.516 9.372
7 194 MARCELO DE SOU PAPELEGUARACING/SLIN/ALTO HON 2:11.551 9.407
8 200 RICARDO KADES VERMELHINHO TERRA PLANAGE HON 2:11.667 9.523
9 832 MAURITI RIBEIRO POSTOS ATENAS 2:22.407 20.263
10 13 MATHEUS ALMEIDA AERO MOTOS ASSIS SP HON 2:25.451 23.307
11 309 LUIZ PUEL FRIGORIFICO BOI GORDO/SAUL 2:30.258 28.114

ARCOIRIS EFEITO

2leep.com

QUAL É A SUA ?

QUAL É A SUA ?
TESTE JÁ ! CLIQUE NA IMAGEM . . .

VISITE O SITE DOS MANOS

VISITE O SITE DOS MANOS
12 anos com a garantia dos manos !

MUITO GRATO POR SUA VISITA . . .

IP